Tonari no Atashi

Tonari no Atashi
De Atsuko Nanba

Sinopse oficial: O vizinho de Nina, Kyousuke, está começando o colegial, enquanto ela ainda está presa no fundamental. Só caminhando às suas escolas próximas juntos não é o suficiente para ela – especialmente porque eles continuam encontrando Yuiko: uma menina bonita, extrovertida, da série de Kyousuke que também parece nutrir sentimentos pelo vizinho de Nina.

Minha opinião: hm… não gostei desse mangá. Ele tinha tudo pra dar certo: vizinhos que eram melhores amigos e sempre se gostaram, blá blá blá mas minha nossa! Deu tudo errado.

Eu até tinha gostado dos personagens, mas as escolhas que ambos fizeram… me deixaram chateada. Esperei tanto um final decente mas não gostei nadinha do final que teve.

Ok, não foi tão ruim, mas não gostei. Passei o mangá inteiro esperando uma coisa e tivemos outra completamente diferente. Não foi só o caso de torcer pelo cara errado, porque até aí eu quase sempre torço kkkk, mas foi pela linha de desenvolvimento em si e pelo desfecho mesmo. Teve um fim, depois teve mais dois capítulos extras com outro fim, e mesmo assim ficou muuuita coisa em aberto e sem explicação. Pecou muito no quesito amarração de pontos.

Enfim, simplesmente não achei bom… ele é fofinho e talz mas não acho que valha a pena ler 😣. Que triste!

Bjs
Marina

(Mangá) Fruits Basket

Fruits Basket
De Natsuki Takaya

Sinopse oficial: Em Fruits Basket conhecemos a história de Tohru Honda. Ela parece ser uma garota muito alegre e esforçada. Mas o que poucos sabem é que, depois que sua mãe morreu, Tohru, foi obrigada a viver sozinha, em um barraca que armou no terreno pertencente à família Souma. E junto com ela também conhecemos a família Souma, que carrega a maldição de se transformar nos animais do signo chinês cada vez que são abraçados por alguém do sexo oposto.

Minha opinião: ok, eu me emocionei no fim de vários mangás e tals mas nossa… esse foi o primeiro que me fez chorar de verdade. O final foi muito tocante e profundo – eu amei! ❤ (mas chorei muito rsrs)

Depois de ler Ao Haru Ride eu achei que ia demorar pra me apaixonar por outro personagem mas, como sempre, eu subestimei a minha capacidade de amar homens literários e gamei no Kyo. Logo quando ele apareceu pela primeira vez eu já sabia que iria amá-lo, rsrsrs.

A Tohru é uma protagonista daquelas “perfeitinhas”. Às vezes dava um pouco de raiva pois era surreal o otimismo e bondade dela – ela é o Buda por acaso??? Mas, deixando isso de lado, ela é super especial. Um “bolinho de arroz numa cesta de frutas”, como ela própria diz.

Yuki é a outra ponta do triângulo amoroso mas desde o começo achei ele muuito sem graça. O que eu posso dizer? Ele é muito passivo e perfeitinho… eu gosto mais de um bad boy bonzinho (Hello Kyo!). Kkkk

O Momiji pra mim foi o personagem mais fofo ever! Todos – todos os personagens tinham seu encanto, mas ele foi o mais especial de todos. Já deu pra perceber que eu amei os personagens né? :D00 Mas a história é maravilhosa também – achei muito original! E o enredo é fantástico! Achei forte e marcante… com certeza não é fácil de esquecer.

Como já disse lá em cima, o final foi ótimo, tocante e emocionante. Pra mim foi um dos melhores mangás que li até hoje. Embora Ao Haru Ride tenha virado meu queridinho, esse aqui também virou um favorito da vida! Vou embrulhar eles num plástico pra poder ler mesmo daqui 20 anos sem perder a qualidade do papel. Kkkkk

Recomendo! A arte não é a mais bonita que eu já vi mas todo o resto compensa. É lindo demais! 😍

Bjs
Marina

Lúcida

lucidaLúcida
De Ron Bass e Adrienne Stoltz

Sinopse oficial: Sloane é uma aluna nota 10, com uma grande e amorosa família. Maggie vive uma existência glamorosa e independente, como aspirante a atriz em Nova York. As duas não poderiam ser mais diferentes. A não ser por um pequeno detalhe, algo que não têm coragem de revelar a ninguém. À noite, cada uma sonha que é a outra. Os sonhos são tão vívidos que as garotas sentem e experimentam o que a outra está passando naquele momento. Seriam as duas reais? Uma delas estaria mentalmente instável e imaginando a outra? Seriam ambas a mesma pessoa? Qual delas é real?

Minha opinião: já escrevi linhas e linhas dessa resenha e apaguei repetidamente. Sabem por quê? Porque nada que eu escreva vai poder traduzir em palavras o que eu estou sentindo.

Esse livro mexeu comigo de todas as formas! Eu sou uma pessoa (juro que quando conto isso pra alguém sempre riem da minha cara) que cria histórias na minha mente antes de dormir. Eu tenho um enredo geral e cada dia eu invento parte da história – alguns dias são rotineiros e outros são especiais, mas sempre com um propósito: viver uma vida que não é minha. E, para piorar (rsrs), eu faço isso desde que me entendo por gente…

E o livro trata exatamente disso! De viver uma vida que não é sua, de lidar com situações cotidianas na pele de outra pessoa, e de enfrentar situações num outro mundo que bate de frente com o seu. E nenhum dos mundos é ruim, eles são apenas… diferentes.

Eu tinha lido algumas resenhas falando que no começo ele é um pouco parado, mas eu discordo: fui fisgada desde o primeiro capítulo! Achei a narrativa muito gostosa, a construção dos personagens interessantíssima e amei a história das duas personagens – elas são completamente diferentes e, mesmo assim, eu me vi na pele das duas.

Eu acho que a história é um misto de romance e psicologia – realmente faz a gente pensar em muitas coisas. Sinto que nem todos vão gostar tanto quanto eu porque a identificação foi muito íntima no meu caso… mas sei que vai agradar à maioria pois é uma história bonita, profunda e bem gostosa de ler. ❤

Só sei que me emocionei, chorei e fiquei naquele estado “vegetativo-pensativo” por um bom tempo após a leitura. Recomendo mesmo e espero sinceramente que vocês gostem. 🙂

Bjs
Marina

Equals [FILME que parece livro]

Oi pessoal! Ontem assisti um filme maravilhoso e queria dividir com vocês, porque ele é semelhante a diversos livros do estilinho que eu gosto e que já resenhei aqui no blog. 🙂

equals_movie

Se chama Equals (tem na Netflix com o título em português: Quando te conheci) e possui basicamente a seguinte história: numa sociedade futura perfeita (distopia) temos pessoas que não possuem sentimentos – desde pequeno eles são suprimidos a fim de manter uma sociedade unida, sem guerras e sem interferências sentimentais em sua evolução. Parece familiar, não?

Um homem e uma mulher acabam se apaixonando e vivendo um romance proibido dentro desses padrões impostos pelo mundo, e precisam lutar para manter seu amor. Em um lugar onde até o menor toque é proibido as coisas acabam ficando bem tensas… de novo: soa familiar, vocês não acham?

Pra mim foi um mix de vários livros que eu adoro: Delírio, O Doador de Memórias e Destino são os que me vêm à memória, mas com certeza tem mais. Ele é um filme fofo, tenso e romântico – assim como esses livros – e retrata uma distopia bem comum: a “sociedade perfeita”. Confesso que só pelo trailer já sabia que ia gostar, mas fiquei comovida com a beleza crua do filme!

tumblr_o8y4i2raqw1si52i0o5_500

O cenário, as atuações, a trilha sonora (que quase não existe em algumas cenas) e a fotografia acompanham seus sentimentos durante o filme. É incrível! Eu me senti o tempo todo na pele dos personagens e ri, sofri, chorei e amei junto com eles. Talvez se eu já não tivesse lido tanto sobre esse “assunto” eu tivesse ficado surpresa e mais impressionada com o sentido da história – aquela lição de moral que ficamos pensando quando o filme acaba, rsrs, mas confesso que fiquei encantada! ❤

Eu nunca fui muito fã do Nicholas Hoult, mas, como diz meu amigo: “- que homão da porra!”, hehehe. Ele está perfeito nesse papel, e realmente apaixonante! Já a Kristen Stewart estava honrando sua fama de “sem expressões faciais” kkkkkk. Brincadeiras à parte, ela tinha que manter suas expressões escondidas da sociedade, então é compreensível – o papel pede isso. É irônico mas é verdade, rs.

equals_d36_258_rgb

equals2016-screencap2

Enfim, eu amei tanto que queria que fosse um livro. MESMO! Ainda mais porque PRECISA de uma continuação, mas não vai rolar em forma de filme. 😦

Deixo aqui então a dica e o trailer para que vocês possam ver se não tem tudo a ver mesmo com nossas paixões literárias, rsrsrs.

Eu amei e virou um grande favorito. Recomendo! 🙂

Bjs
Marina

Oblivion – Série Lux vol. 6

OBLIVION_1445889071527755SK1445889071BOblivion
De Jennifer L. Armentrout

Sinopse traduzida por mim: Eu sabia desde o momento em que Katy Swartz se mudou para a casa ao lado que ia ser um problema. Um problema gigante. E problema é a última coisa que eu preciso, já que eu não sou exatamente “daqui”. Meu povo chegou à Terra vindo de Lux, um planeta 13 bilhões de anos luz distante. E mais: se tem uma coisa que eu sei é que humanos não são confiáveis. Nós assustamos eles. Nós fazemos coisas que eles apenas sonham e, honestamente, nós fazemos eles parecerem fracos pra caramba. Porque eles são.

Mas Kat está me atingindo de formas que ninguém nunca fez antes, e eu não consigo parara de querê-la – ou de querer usar meus poderes para protegê-la. Ela me faz fraco, e eu sou o mais forte do nosso tipo, com a tarefa de proteger a todos. Então essa única garota… ela pode significar o fim para nós. Porque os Luxen tem um inimigo ainda maior – os Arum, e eu preciso focar nisso.

Me apaixonar por Katy – uma humana – não vai apenas colocá-la em perigo, pode matar todos nós, e isso é uma coisa que eu jamais deixarei acontecer…

Minha opinião: Eu já sabia a história? Sim, já sabia. Eu sabia o que esperar? De novo: sim. Eu achei que ia amar tanto que ia querer ler todos os outros livros de novo? Não. Mas foi isso que aconteceu…

AI MEU DEUS! Eu jurava que se eu lesse o primeiro livro de novo, depois de tanto tempo, que não ia gostar tanto quanto antes porque já estou um pouco mais velha, porque já sei o final, porque a história não é muito original.. mas MINHA NOSSA SENHORA, que livro maravilhoso, perfeito e extremamente viciante!!! ❤

De início eu achei que era só o primeiro livro contado pela visão do Daemon, mas eram 685 páginas… meio longo. Mas, depois que eu terminei o primeiro clamando por mais… PÁ! Um tapa na minha cara e o segundo e o terceiro pela visão dele também estavam lá!!!! Ou seja, são 3 livros em um. E a visão do Daemon é tãaaao boa! Minha gente, vocês PRECISAM ler esse livro!!!

O ponto-chave dessas histórias narradas pela visão de outro personagem é que finalmente não só conseguimos entender os sentimentos dele, como conseguimos saber o que aconteceu naquelas cenas em que a Kat não estava presente. E eu reafirmo: o Daemon é maravilhoso! Que homem meu Deus! Ou melhor: só sendo alienígena mesmo pra ser assim! kkkk Isso “non-ecsiste” na vida real (eu já desisti).

Eu não sei o que essa autora faz que a narrativa dela te prende da primeira até a última página. É impressionante como a gente fica viciado e é sugado até o fim da leitura! Mesmo em inglês é extremamente fluído.

Eu gostaria que esse livro tivesse sido lançado antes… se eu soubesse eu faria assim: teria lido os 3 primeiros volumes, leria o conto do Dawson, esperaria lançar o quarto, quinto e sexto e leria os três nessa ordem: 6, 4 e 5. Entenderam? rsrs.

Enfim, estou mais do que pronta para fazer aquele resumão das minhas impressões sobre a Saga Lux para vocês. 🙂 Aguardem…

Recomendadíssimo!

Bjs
Marina

Posts Relacionados:

Obsidian – Série Lux vol. 1
Onyx – Série Lux vol. 2
Opal – Série Lux vol. 3
Shadows – Série Lux vol. 0.5
Origin – Série Lux vol.4
Opposition – Série Lux vol. 5

A Coroa [RESENHA EM VÍDEO]

Oi gente, como vocês estão?

Mais um vídeo-resenha pra vocês, dessa vez sobre o quinto e último livro da saga A Seleção.

Como sempre, minhas impressões estarão em forma de texto abaixo do vídeo também. 🙂

Esse está mais curto do que o último e vejam bem: eu falei algumas “palavras feias” mas não tinha o beeeep pra colocar em cima então me perdoem!!! kkkk

Bjs
Marina

A_COROA_1462588687535140SK1462588687BA Coroa – A Seleção Livro 5
De Kiera Cass

Sinopse: Em A Herdeira, o universo de a Seleção entrou numa nova era. Vinte anos se passaram desde que America Singer e o príncipe Maxon se apaixonaram, e a filha do casal é a primeira princesa a passar por sua própria seleção.

Eadlyn não acreditava que encontraria um companheiro entre os trinta e cinco pretendentes do concurso, muito menos o amor verdadeiro. Mas às vezes o coração prega peças… e agora Eadlyn precisa fazer uma escolha muito mais difícil – e importante – do que esperava.

Minha opinião: ok, pode parecer estranho depois de tudo que eu vou falar a seguir dizer que eu gostei do livro, mas sim: eu gostei.

Ele tem muitas falhas. A pior delas pra mim é a mudança total da Eadlyn. Quem leu A Herdeira já notou uma grande mudança na personalidade dela ao longo da história. Justificável. Mas nesse último livro ela era uma pessoa completamente diferente.

O que deveria ser uma passagem de 2 dias pareceu 20 anos. Quando ela se tornou tão sábia? Tão altruísta? Tão legal e bondosa? Não me entendam mal, essa Eadlyn do quinto livro é uma personagem muuuito boa! E gostei muito dela, mas gente… fiquei impressionada com a mudança radical o.O

Outro ponto negativo foi a levianidade com que as situações foram tratadas. Governar o país é algo muito importante, mas a autora transformou tudo em meras banalidades. Tive que relevar esse ponto para poder ser feliz.

Também tive que relevar a falta de desenvolvimento das histórias e a narrativa juvenil – o público-alvo desse livro é de 12 anos? Não entendi a Kiera…

Mas enfim, como eu disse no começo eu gostei! Kkk apesar de tudo isso temos um romancezinho bobo, personagens adoráveis, mais do Maxon e da America e também tem o fato de que no final ela escolheu quem eu estava torcendo. :)p hehehe

É um livro bobinho. Se você já leu todos os outros leia esse também, claro. Mas se você parou no terceiro e pensou em começar A Herdeira e A Coroa eu sugiro que você pense um pouco melhor, porque pra mim foram dois livros bem desnecessários…

Enfim, tive que relevar muitos pontos para ser feliz!

A Herdeira – A Seleção Livro 4

A_HERDEIRA_1424838499437922SK1424838499BA Herdeira
De Kiera Cass

Sinopse oficial: Vinte anos atrás, America Singer participou da Seleção e conquistou o coração do príncipe Maxon. Agora chegou a vez da princesa Eadlyn, filha do casal.

Prestes a conhecer os trinta e cinco pretendentes que irão disputar sua mão numa nova Seleção, ela não tem esperanças de viver um conto de fadas como o de seus pais… Mas assim que a competição começa, ela percebe que encontrar seu príncipe encantado talvez não seja tão impossível quanto parecia.

Minha opinião: cheguei a falar mal da autora por ter feito mais um livro dessa saga. “- O terceiro finalizou a história, o que mais precisava contar??? É só para ganhar dinheiro!”. Realmente a história de Meri e Maxon tinha acabado, mas o universo da Seleção podia ser mais explorado, e foi exatamente o que aconteceu aqui.

A princípio pensei que Eadlyn, a filha mais velha deles e protagonista da história, fosse apenas uma mimada babaca. Com o tempo descobri que ela era ainda pior: mimada, babaca e nervosa. Odeio gente nervosa, rsrs. Mas, com o passar da história ela foi mudando… se transformando em alguém melhor, mais romântica e uma menina diferente – uma menina de quem é possível gostar e sentir empatia. Acabei o livro com sentimentos bons em relação a ela e uma promessa de um quinto livro avassalador!

Novamente temos um processo de seleção, mas dessa vez com 35 homens concorrendo pela mão dela. Oi? 35 homens? Sim, isso mesmo. Deus, pode me trazer todos eles porque já estou preparada!!! auhauahuahua Claro que temos alguns personagens favoritos e eu acho que já desvendei quem será o escolhido (ou pelo menos os dois responsáveis pelo triângulo amoroso que eu espero encontrar no próximo volume), mas a história não é previsível. É boa e dentro de um cenário que tanto amamos, o que a torna ainda melhor. ❤

Gostei muito do livro! Não tem o que falar da escrita da Kiera, é maravilhosa, e ele foi tão curtinho que queria mais! Com tanta gente falando mal eu estava com medo da leitura, mas ela superou minhas expectativas.

Enfim, recomendo para todos os fãs da seleção: não sejam preconceituosos como eu fui e dêem uma chance. 🙂

Bjs
Marina

A Promessa do Tigre – A Saga do Tigre Livro 0,5

A_PROMESSA_DO_TIGRE_1433123681384820SK1433123681BA Promessa do Tigre
De Colleen Houck

Sinopse oficial: Medo. Esperança. Dúvidas. Antes da maldição, uma promessa.

Mais de 300 anos antes de Kelsey Hayes surgir na vida de Ren e Kishan, uma jovem cruzou o caminho dos príncipes. Seu amor por um deles mudou o curso da história e o destino da família Rajaram. Criada longe dos olhos da corte, isolada do convívio no castelo, Yesubai luta para suportar os maus-tratos do pai e manter em segredo suas habilidades mágicas.

Lokesh é um poderoso e cruel feiticeiro que foi capaz de assassinar a própria esposa porque ela lhe deu uma filha em vez de um filho. Ao completar 16 anos, Yesubai é surpreendida por um anúncio do rei. Procurando fortalecer suas relações diplomáticas, o nobre acredita que um casamento entre a filha de Lokesh, comandante de seu exército, e um pretendente de algum dos reinos vizinhos será uma boa estratégia para diminuir os conflitos na região.

A jovem recebe a notícia com alegria. Pela primeira vez ela enxerga um fio de esperança, a perspectiva de escapar do controle do pai e de levar uma vida fora do confinamento de seus aposentos. Mas esses não são os planos do feiticeiro. Ele vê no iminente casamento de Yesubai uma oportunidade de conseguir ainda mais poder e não poupará esforços para atingir seus objetivos sombrios.

Minha opinião: uau! Acabei gostando mais desse livrinho de contos do que eu esperava… Ah! Uma dica: leiam depois de ter lido o último livro da saga, porque tem váaaaarios spoilers. Ou seja, não estraguem tudo rsrs :p

A maior parte da história é narrada por Yesubai e confesso que gostei demais dela! Queria mais livros com ela como protagonista, kkkk. “- Preferia ela à Kelsey?” Hm… talvez! Mas quem sabe se o final dela tivesse sido diferente pudesse ser uma série paralela, sabem?

A melhor parte, no entanto, foi ver muito mais do Kishan! ❤ Estava ansiosa para revê-lo novamente e fiquei MUITO feliz!

No final temos um prólogo intitulado Sonho do Tigre, o nome do suposto quinto livro da saga e, pelo que percebi, é isso mesmo: um vislumbre do próximo livro *-* (taí mais um motivo para não ler ele antes dos outros volumes, rs).

Amei essa série de contos! Serviu para aliviar meu coração depois de ler O Destino do Tigre 🙂 É um livro super curtinho também – um respiro para os fãs.

Recomendooooo.

Bjs
Marina

PS: preciso comentar: que capa horrorosa! Meu Deus, o que é isso? Sem palavras…

O Destino do Tigre – A Saga do Tigre Livro 4

O_DESTINO_DO_TIGRE_1444846530242262SK1444846530BO Destino do Tigre
De Colleen Houck

Sinopse oficial: Com três profecias da deusa Durga solucionadas, agora resta apenas uma no caminho de Kelsey, Ren e Kishan para que a maldição seja quebrada. Mas o maior desafio do trio os aguarda: A busca pelo último presente de Durga – A corda de fogo – na Ilha Barren situadas na Baía de Bengala.

Uma busca que ameaçará suas vidas. É uma corrida contra o tempo e o malvado feiticeiro Lokesh colocará o bem contra o mal, testará laços de amor e lealdade, e, finalmente, revelará o verdadeiro destino do Tigre, de uma vez por todas.

Minha opinião: ALGUÉM ME EXPLICA COMO A AUTORA FOI CAPAZ DE ESCREVER UM FINAL DESSES???? Estou em prantos até agora! Meu coração está dilacerado em mil pedaços! Não sei como vou sobreviver!!!

Ok, retomando o fôlego (apesar de estar emocionada até agora), vi muita gente elogiando e dizendo que foi o melhor livro dos quatro… não foi! Pelo menos, ao meu ver, foi um final muito triste! Não que eu não tenha gostado no geral, mas achei que ficou muito abaixo do esperado, e certamente eu NÃO TOMARIA NENHUMA DAS ATITUDES QUE A AUTORA TOMOU!

A primeira metade do livro foi muito boa e semelhante aos volumes anteriores. Mas, conforme fomos nos aproximando do desfecho, a história foi tomando um rumo que me desagradou profundamente… não sei como expressar meus sentimentos, eu apenas me senti sufocada, dilacerada e magoada. Acho que essa foi realmente a intenção, mas como eu estava mais envolvida que o normal com essa saga, eu me senti traída… rs

Embora os últimos 2 capítulos e o epílogo tenham sido muito alegres e o final foi “feliz”, eu não consegui “digerir” um dos acontecimentos, e portanto não aproveitei essa felicidade como deveria. Simplesmente passei batido por ela e, quando dei por mim, o livro já tinha acabado.

Não foi o final que sonhei mas não posso negar que foi um final coerente, digno e muito bem explicado. A saga em si ficou completa e tudo fez sentido… mesmo assim meu coração tem um vazio agora. 😦

Resumindo: a saga é muito boa para quem ama mitologia, gosta de uma boa aventura e de triângulos amorosos. Sim, recomendo com todo meu coração e, assim como em A Princesa Mecânica, vou morrer de saudades desses amigos que fiz nessa jornada…

Bjs
Marina

A Rainha – The Selection Livro 3,5

A_RAINHA_1417498475388619SK1417498475BA Rainha
De Kiera Cass

Sinopse oficial: Uma das personagens mais cativantes de A Seleção é a rainha Amberly, mãe do príncipe Maxon. Ao longo da série, descobrimos pouca coisa a seu respeito, e muitas dúvidas permanecem: como uma pessoa tão bondosa e gentil se apaixonou por um homem rígido e impiedoso? Por que Clarkson a escolheu, considerando que ela vinha de uma casta baixa e de uma província pobre? E qual era exatamente seu estado de saúde?

Chegou a vez de Amberly contar sua própria história. Em A rainha, disponível em edição digital, acompanhamos a Seleção anterior à de America Singer, quando Amberly foi ao palácio com outras trinta e quatro garotas para disputar o coração do então príncipe Clarkson. O leitor enxergará uma nova faceta do rei através dos olhos apaixonados de Amberly, entenderá melhor o relacionamento dos dois e conhecerá um pouco mais do passado dessa personagem tão encantadora – uma garota simples que provou que uma rainha pode vir de qualquer casta.

Minha opinião: No começo eu achei que não ia gostar. Eu nunca fui tãaao fã assim da rainha Amberly para achar que ela merecia seu próprio conto, mas… dei uma chance. E não sei se foi o clima da seleção, o palácio ou até mesmo a personalidade dela, mas adorei a leitura!

O livro é super curtinho – é mais um conto, de 70 páginas – e a leitura como sempre é leve e fluida. A Kiara Cass não decepciona! Confesso que fiquei até curiosa para ler o próximo livro da saga (que inicialmente achei desnecessário). 🙂

O Rei, que no caso nesse livro ainda é príncipe, sempre foi um personagem detestável para mim, então juro que tentei gostar das cenas românticas, de ver os dois como um parzinho, etc e tal, mas não deu! Aff que homem detestável! Ele não era tão detestável como príncipe, mas já dava todos os indícios de que seria difícil de conviver… admiro a Amberly, porque olha… eu não conseguiria me apaixonar por ele. Sou muito mais o Maxon! ❤ Amor eterno com ele rsrs

Enfim, não ameeeeiii como os outros livros da saga, mas ele é tão curtinho e levinho que valeu super a pena!

Bjs
Marina

Encontrada – À Espera do Felizes Para Sempre – Perdida Livro 2

ENCONTRADAEncontrada
De Carina Rissi

Sinopse oficial: Sofia está de volta ao século dezenove e mais que animada para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke. No entanto, em meio à loucura dos preparativos para o casamento, ela percebe que se tornar a sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava. As confusões encontram a garota antes mesmo de ela chegar ao altar e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas estão acontecendo na vila. Ian parece estar enfrentando alguns problemas que prefere não dividir com a noiva. Decidida, Sofia fará o que estiver ao seu alcance para ajudar o homem que ama. Ela não está disposta a permitir que nada nem ninguém atrapalhe seu futuro. Porém suas ações podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir seu felizes para sempre é ela própria.

Minha opinião: ok, eu estava sim muito receosa de ler esse livro, afinal Perdida foi tão completo e tão bem finalizado que não consegui entender porque a autora resolveu escrever mais um volume. E quando soube que ia ter um terceiro então???? Bateu o preconceito…

Mas como eu AMO absurdamente a escrita dessa mulher resolvi dar uma chance. Achei o começo meio “chocho” e até cheguei a pensar em abandonar a leitura com medo de só piorar tudo e não ter um final feliz, mas aí pensei: – se o final não fosse feliz o título do livro não faria sentido, certo? E dei mais uma chance. Dessa vez de coração aberto. 🙂

O que eu descobri? Que não conseguiria mesmo viver no século 19!!!!! Jamais trocaria meu lindo século por esse horroroso! :p O que reafirmei? Que o Ian é o homem da minha vida e que esse será o nome do meu filho, se um dia eu tiver um. Sério. O que aprendi? Que mentir nunca compensa e que não adianta nada esconder as coisas de quem você ama… Juro que em algumas horas quis MATAR a Sofia!!!! Mas simplesmente não consigo desgostar dela… É uma fofa acima de tudo. Rsrs

Tirando alguns momentos que me cortaram o coração e outros em que quis acabar com a personagem principal, como sempre eu me diverti MUITO com o livro. Ele é ligeiramente mais sério que o primeiro e aborda a dificuldade de lidar com as coisas do dia a dia e com um casamento. Apesar da diferença de épocas, acho a Sofia um exemplo de mulher a ser seguido… E o Ian é o exemplo da perfeição. Se 1 décimo dos homens do planeta tivessem a decência dele estaríamos no paraíso!!! 😀 kkkkk

Passei por vários momentos mas terminei a leitura com sensação de dever cumprido. Gostei demais desse livro e realmente ele completa o primeiro. Se você por acaso não quiser ler o segundo volume, o primeiro tem um final espetacular, então não se preocupe, essa é mais uma leitura complementar. Mas gostei demais do final e acabei ficando com o olho marejado de tão lindo *-*

Recomendo!!! ❤ (Ian eu te amo!!!!)

Bjs
Marina

Se Eu Ficar – If I Stay Livro 1

SE_EU_FICAR_1404309893BSe Eu Ficar
De Gayle Forman

Sinopse oficial: Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera… e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.

Minha opinião: Eu acho que o ponto chave para a leitura desse livro é não ter expectativas. Para mim ele é similar ao A Culpa É Das Estrelas, que estava tão em alta que fiquei com as expectativas lá em cima… e acabei sendo derrubada. Não gostei do livro mais por conta disso do que por qualquer outra coisa, e acho que este é igual: é a nova “modinha” do momento, mas é um livro bom e só.

É bonito? Sim, achei bonito. Algumas partes são muito boas, como as lembranças de Mia com a família. Mas, apenas algumas cenas bonitas não fazem do livro tudo aquilo que estão falando. Embora pedaços dele sejam emocionantes, no geral não fui tocada. O final foi muito simples e curto, daqueles que você nem percebe que foi o final até virar a próxima página e ver o “fim”.

Mas vamos por partes: Mia é uma boa protagonista. Gostei dea, ms quem amei mesmo foi seu irmão Teddy. Foi o único que realmente mexeu comigo (não sei, tenho um fraco por crianças fofas rsrs), mas gostei muito da mãe dela também – uma personagem forte e marcante.

Já Adam… fiquei imaginando por quê ter um livro (o segundo) pela visão dele. Para mim ele foi tão desinteressante… e o relacionamento dos dois? Ok, tivemos um vislumbre de parte dele mas faltou uma exploração desse assunto. A autora podia ter entrado mais a fundo nisso. Muito mais a fundo.

A narrativa é gostosa, suave, fluida e o livro é bem curtinho, então com certeza é uma boa pedida para aqueles dias em que vcê quer algo bom e rápido para ler.

Gostei. Achei bom, mas nada disso tudo que estão falando. Acho que se preparar para uma narrativa mais juvenil e não ter altas expectativas é o que vale. Para mim funcionou 😉

Ah! Acho que esse vai ser mais um caso do filme ser melhor que o livro… vamos aguardar.

Bjs
Marina

Um Caso Perdido

UM_CASO_PERDIDOUm Caso Perdido
De Colleen Hoover

Sinopse oficial: Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras… Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.

Minha opinião: Triste. Intenso. Viciante. Avassalador. Lindo. ❤

Não consigo nem me expressar direito agora que terminei essa leitura… a autora conseguiu criar uma obra prima que tocou meu coração de formas conflitantes e devo dizer que fiquei muito emocionada!

A história de Sky é um quebra-cabeças cheio de caminhos tortuosos, e ao longo do livro cada uma dessas pecinhas foi se encaixando de maneira delicada, formando um quadro triste de se ver, mas ao mesmo tempo um retrato de superação, força e muita, mas muita coragem.

Toda a trama foi tratada com muito carinho e com uma sutileza incrível. A primeira vez que descobrimos o que de fato é esse “pano de fundo” triste na história levamos um susto grande, mas mesmo assim esse assunto foi abordado com maestria.

Holder é um personagem forte e marcante e, junto com a nossa protagonista (que eu amei por sinal), formam uma dupla intensa e apaixonada. Acho que a sintonia dos dois e o modo como o amor se desenvolve com o tempo foram peças chaves para mostrar a superação.

Amei desde a primeira até a última página e sofri com cada lágrima derrubada pelos personagens. TODOS eles nos tocam de alguma maneira e são especiais para o enredo.

Não tenho mais o que dizer, apenas LEIAM! Eu recomendo mil vezes, e com certeza esperem esse livro na lista dos melhores do ano 🙂

Bjs
Marina

 

The Taking – The Taking Livro 1

THE_TAKINGThe Taking
De Kimberly Derting

Sinopse traduzida por mim: Um flash de luz branca… e aí… nada.

Quando Kyra, com seus 16 anos, acorda atrás de uma lixeira no Gas´n Sip, ela não se lembra de como chegou lá. Com uma dor de cabeça terrível e o maior deja vú, ela vai para casa, apenas para descobrir que cinco anos se passaram… e ela não envelheceu um dia.

Tudo sobre sua antiga vida está diferente. Seus pais estão divorciados, seu namorado, Austin, está na faculdade e namorando com sua melhor amiga, e seu pai mudou de um perfeito pai de família para um bêbado e louco divulgador de teorias conspiracionistas, que culpa os homezinhos verdes pelo desaparecimento de sua filha.

Confusa e perdida, Kyra não está segura de como prosseguir, a menos que descubra e encumbra a verdade. Com Austin fora, ela recorre à Tyler, o irmãozinho pequeno de Austin que agora tem 17 anos e por quem ela se sente inesperadamente atraída. Quando eles refazem seus passos até a noite do desaparecimento, eles descobrem estranhos fenômenos que ninguém consegue explicar, e eles começam a imaginar se o pai de Kyra não está tão louco assim. Existem outros que, como ela, foram “levados”… e voltaram. Kyra luta para encontrar uma explicação e para conseguir sua antiga vida de volta, mas e se a vida que ela deseja não lhe pertencer mais?

Minha opinião: eu estava ansiosíssima por esse livro… E é com imenso prazer que digo que não me decepcionei! Ele é tudo que eu queria e mais um pouco. 🙂

Pensem numa pessoa fissurada em ETs e que, ao mesmo tempo, morre de medo deles: sou eu. Eu juro que nada na minha vida me apavora e me fascina mais do que aliens.

Então essa história me agradou muito pois não temos cenas aterrorizantes (graças a Deus, rs) mas temos muito suspense e investigação em torno de seres extraterrestres. Além de MUITO romance. Sério, é romantiquinho do jeito que eu gosto e bem água-com-açúcar. rsrs

A personagem principal é Kyra, uma menina que foi abdusida e “devolvida” 5 anos depois. Seus pais mudaram suas vidas e até seu namorado foi para a faculdade, então é hora de fazer o que??? Se apaixonar pelo “irmãozinho” do seu ex-namorado que hoje cresceu e está um gato – Tyler.

Fofos! *-* o Tyler é perfeito. Absolutamente perfeito e totalmente desejável. Já Kyra no começo está um pouco confusa, mas depois mostra melhor sua personalidade, e também é uma fofa.

E o ritmo desse livro, minha gente??? Não consegui mais largar! A escrita dessa autora com certeza me conquistou e eu virei fã porque olha… impossível parar de ler.

O final foi um pouco diferente do que eu esperava – não ameeeeiiii -, mas me deixou extremamente curiosa para o próximo.

Aprovado e recomendado. 😉

Bjs
Marina

Incendeia-me – Trilogia Estilhaça-me Livro 3

INCENDEIAMEIncendeia-me
De Tahereh Mafi

Sinopse: O destino do Ponto Ômega é desconhecido. Todas as pessoas com quem Juliette se importa podem estar mortas. Talvez a guerra tenha chegado ao fim antes mesmo de ter começado. Juliette foi a única que restou no caminho do O Restabelecimento. E sabe que, se ela sobreviver, O Restabelecimento não sobreviverá. Entretanto, para destruir O Restabelecimento e o homem que quase a matou, Juliette vai precisar da ajuda de alguém em quem nunca pensou que pudesse confiar: Warner. Enquanto eles lutam juntos para combater o inimigo, Juliette descobre que tudo que ela pensava saber sobre seu poder, sobre Warner e até mesmo Adam era uma mentira.

Minha opinião: Ai gente… que final mais PERFEITO! *-* Amei, amei, amei!!!!

Essa trilogia é uma das melhores que já li e agora, nesse volume, finalmente temos uma Juliette mais certa de quem ela é, do que é capaz e o que ela quer. E ela é forte, muito forte! Então como não amar uma menina que inicialmente era frágil e debilitada emocionalmente e que acabou se tornando uma mulher centrada, equilibrada e muito digna de todo o poder que possui?

Nesse último livro graças a Deus temos um desfecho para o triângulo amoroso mais quente dos últimos tempos: Adam – Juliette – Warner. Preferências a parte, preciso dizer que a autora foi justa e leal aos sentimentos da personagem principal. Afinal, uma pessoa em constante mudança com certeza precisa de amores que acompanhem sua trajetória.

Sobre os outros personagens, fiquei muito carente de um conto ou algo do tipo partindo do ponto de vista do Kenji que, na minha humilde opinião, se destaca muito e rouba todas as cenas. Inclusive ele roubou meu coração. Mentira! Rsrs meu coração pertence inteiramente ao Warner. ❤

Foi um belo final. Acho que podia ter um capítulo a mais falando do futuro, mas gostei de como tudo se encerrou e principalmente do rumo da história. 🙂

Achei perfeito! A autora escreve muito bem e a leitura de todos os volumes é muito fluida. Embora os livros pareçam grandes, as letras também são e o ritmo é acelerado, então tudo passa voando!

Uma curiosidade é que no primeiro livro quase todos os pensamentos da Juliette são riscados, no segundo temos alguns ainda riscados e no terceiro não temos nenhum. Isso foi uma tática da autora para mostrar como a personagem evoluiu para finalmente pensar o que quer e ter total confiança disso. Muito legal! 😉

Enfim, recomendado demais!!!

Bjs
Marina