Dezessete Luas – Beautiful Creatures Livro 2

dezessete_luas_1447474942189663sk1447474942bDezessete Luas
De Margaret Stohl e Kami Garcia

Sinopse oficial: Dezessete Luas começa exatamente após os acontecimentos de Dezesseis Luas: Ethan Wate e Lena Duchaness escaparam por pouco de serem reclamados pelas trevas, mas a vitória teve um sabor amargo. Lena vive a dor e o sentimento de culpa pela morte de um familiar e começa a se afastar de Ethan.

Auxiliado pelo amigo Link, Ethan vaga pelos túneis subterrâneos da cidade, um mundo secreto, determinado a salvar a amada.

Minha opinião: já comecei o ano daquele jeito: shippando o casal errado! Kkkk

Mas eu não pude evitar, a Lena estava um poooorrreee nesse livro! Ela nunca foi a melhor personagem, mas as autoras judiaram dela neste volume. Já a Liv, a menina que eu queria que ficasse com o Ethan, é demais! Uma fofa, inteligente, engraçada… não tem como. Eu ainda tenho grandes esperanças de que eles terminem a saga juntos, mas to achando que vou morrer na praia esperando. 😛

Como vocês puderam notar, eu estava num bode literário desde o ano passado, e precisava de uma boa história conhecida pra me tirar do fundo do poço. E não me decepcionei!

Eu gostei bastante da narrativa, do enredo e do destino de alguns personagens. Assim como no primeiro volume, o final foi meio enrolado – muita coisa acontecendo de uma vez só, mas gostei dos últimos capítulos. Prevejo um próximo livro bem agitado, porque esse também não parou um minuto. rsrs

Alguns personagens demonstraram que não são tão secundários como eu imaginava, então estou curiosa pra saber o rumo que as coisas vão tomar. Além disso, ficaram muitas pontas soltas – já dá pra imaginar em torno do que o 3º livro vai girar…

Enfim, adorei e recomendo a leitura! Eu precisava de um livro gostosinho assim pra começar o ano. 😊

Bjs
Marina

Adaptações Literárias – Multiresenha

Olá gente, tudo bem?

Bom, como vocês já sabem eu fiquei um pouco sem motivação para ler depois da minha cirurgia então passei dia e noite vendo filmes, rsrsrs. Coloquei meu catálogo em dia e vou falar um pouquinho sobre as adaptações literárias que eu vi e li o livro também – para poder comparar.

JOGOS VORAZES – A ESPERANÇA PARTE 2

jogos vorazes pt2

Acho que, no geral, a saga Jogos Vorazes foi uma das mais fiéis adaptações que existem. Esse último filme teve uma cota pequenininha de modificações, mas nada muito grave ou que fizesse a história tomar outro rumo.

As atuações como sempre foram de tirar o fôlego e a Katniss (Jennifer Lawrence) é simplesmente PERFEITA. Essa mulher arrasa muito Brasil!!!! Acho que nunca vi uma cena de choro desesperado tão boa quanto a que ela fez no filme. Não vou falar qual cena para não dar spoilers, mas foi uma cena fenomenal (palmas!).

O cenário e a história são tão envolventes que o filme tem 2h30 (mais ou menos) mas sentimos como se tivesse 1h – passa muito rápido! E o desfecho do enredo foi excelente, apenas com ressalvas para os últimos minutos do filme que pareceram sessão da tarde e não foram idênticos ao livro, mas ok! 🙂

ACADEMIA DE VAMPIROS

vampire-academy-750x400

Taí mais um filme que muita gente gostou e que mal chegou aos cinemas brasileiros (esse filme foi bem falado e polêmico na época) e eu achei MARAVILHOSO!!! Fiquei morrendo de vontade de reler os livros, porque foi como se os personagens tivessem saído da minha mente e tivessem ido parar nas telas *-*. E a Rose… ai, como morri de saudades! O que eu sinto por ela é um misto de inveja boa, amor, amizade, paixonite (kkk) e sei lá mais o que… ela é incrível e a atriz interpretou muito bem esse papel. ❤

E o ator que faz o Dimitri: no começo achei que não era tão gato mas gente… cena após cena em que ele aparecia era um caso de “menina me abana porque subiu um calor!!!”, huahauhaa.

A atmosfera dos livros foi captada com perfeição, e o tom irônico e engraçado dita todas as cenas. Morri de rir!

Achei que foi fiel o suficiente. Resumiram bem a história, explicaram tudo direitinho, então foi uma boa adaptação: ASSISTAM!!!! ❤ ❤ ❤

DEZESSEIS LUAS

beautiful-creatures04

Vi esse filme e logo depois já fui ler o livro para poder comparar. Eu amei o filme, achei bem legal, engraçadinho e com uma boa história, mas infelizmente a adaptação foi um desastre se comparada com o livro: mudaram as características de alguns personagens principais, mudaram a história, mudaram os acontecimentos… acredito que foi bem tenso para os fãs!

Mas eu, em minha humilde opinião, achei a adaptação melhor do que o livro. Tirando a riqueza de detalhes que a narrativa sempre nos traz e as películas não, a história do filme foi mais legal… mais simples (às vezes a simplicidade é o melhor caminho). O final foi mais fácil de entender e acompanhar do que no livro – acho que foi o mesmo caso de Sangue Quente.

Só achei que a atriz que interpreta a Lena ficou muito abaixo do esperado, mas enfim… é um bom filme!

PROVA DE FOGO – MAZE RUNNER 2

THE SCORCH TRIALS

Acho que essa foi minha maior decepção nesse ano com relação a adaptações literárias: eu estava esperando um filme super fiel ao livro, mas a história é COMPLETAMENTE diferente. Acho que se fôssemos medir, seria 98% diferente e 2% igual. Sério! Os elementos (deserto, boate) e alguns personagens até que estavam lá mas nossa… foi nada a ver.

E eu estava tão entusiasmada, tão empolgada, que fiquei MUITO, mas MUITO decepcionada. Uma amiga minha falou que todo mundo estava gostando justamente porque o livro era chato e o filme estava mais animado, mas eu tinha gostado do livro. 😦

Realmente o filme está mais animado, com mais ação e tudo mais mas… ah nossa eu sei lá, acabei de assistir com um sentimento muito triste dentro de mim. Fora que achei muitas cenas do Thomas forçadas demais… ele é um bom ator (e lindo!) mas notei algumas caras e bocas exageradas alí… (alguém mais compartilha dessa opinião?).

O Minho continua roubando todas as cenas, então vou ver o terceiro porque quero saber o que vai acontecer com ele, já que não consigo prever nada com base nos livros porque a história é outra. 😛

Mas meu namorado adorou pessoal, então não sei se eu sirvo de parâmetro nessa….

SIMPLESMENTE ACONTECE

simplesmente-acontece

Ok, o post sobre esse livro ainda não foi pro ar, mas eu li depois de assistir ao filme e devo dizer que, embora tenham os elementos em comum, a história é totalmente diferente.

Gostei muito tanto do livro quanto do filme, e não é certo compará-los porque, de novo: são completamente diferentes. Acho que a história serviu  só como base mesmo.

O Alex.. gente, que homem! Nunca fui muito com a cara desse ator (desde que vi Jogos Vorazes), mas agora mudei completamente de ideia e acho que o amo. Mesmo, de todo o coração! ❤ HUAHUAHUA e a Lily Collins nem precisa dizer, é linda né? Qualquer papel que ela faz eu adoro.

O filme é extremamente romântico, fofo, e tem aquele mix de sentimentos: feliz/triste/amor/ódio/indignação/resiliência/aceitação, etc. Chorei um pouquinho, mas nada de mais… ele tem um final feliz, então vale a pena assistir!

LUGARES ESCUROS

lugares

Resumindo: o filme não chega nem aos pés da primeira página do livro. Sim, é triste dizer que essa adaptação foi uma furada. Não sei se é porque eu já sabia o final do filme, mas não consegui me surpreender com nada, não consegui sentir profundidade nas cenas e, principalmente, terminei de assistir com aquele sentimento de “Poxa, poderia ter sido tão melhor, mesmo se eu não tivesse lido o livro…”.

Em comparação, além das diferenças físicas entre os personagens nas páginas e na telinha, temos muitas cenas e histórias importantes por trás de tudo que não foram contadas. Tínhamos motivos, desejos e sonhos que foram deixados de lado e as cenas se tornaram vazias… não senti emoção, por mais que fossem muitos atores famosos (e bons!) ali.

Enfim, não tomem o livro pelo filme. Recomendo que leiam mesmo porque é muito melhor! Na verdade nem sei se recomendo assistirem esse filme… foi tão blá….

É isso pessoal. Vocês gostaram desse tipo de post? Acho legal ter o feedback de vocês, porque se vocês gostarem eu faço mais, se odiarem eu paro imediatamente 🙂 hahaha

Bjs
Marina

Dezesseis Luas – Beautiful Creatures Livro 1

dezesseis-luasDezesseis Luas
De Margaret Stohl e Kami Garcia

Sinopse: Em Dezesseis luas não há vampiros, nem tampouco lobisomens. Anjos também não aparecem no enredo, mas não falta aventura e romance. Ou outros personagens fabulosos, como bruxas, espíritos e zumbis. E uma certa atmosfera gótica ronda a obra.

Na pequena Gatlin, com sabor à Nova Orleans, uma mágica poderosa e adormecida está prestes a ser libertada. E com a ajuda de dois adolescentes: Ethan Wate e Lena Duchaness.

Ethan é um menino comum, mas à noite começa a sonhar com uma menina de olhos verdes a quem tenta salvar desesperadamente.
Quando Lena chega à cidade ele não tem dúvida, ela é a menina dos seus sonhos. O que se segue é uma história de almas gêmeas e segredos perigosos e obscuros. E Lena e Ethan precisam confiar um no outro para que possam vencer uma maldição com poder para acabar com tudo à sua volta. Será que eles vão conseguir?

Minha opinião: ok, eu sei que disse que desanimei em relação à esse livro, que muita gente tinha me dito que a narrativa era arrastada e que a história não era lá essas coisas, então eu realmente achei que nunca iria lê-lo, mas assisti ao filme esses dias e fiquei super curiosa… estava precisando me apaixonar por mais uma saga, sabem? Mas infelizmente não foi dessa vez…

A narrativa não é tão arrastada quanto eu pensava, ela simplesmente tem muitos detalhes, mas não é uma coisa ruim. Achei que teve é muita enrolação – dava para ter cortado umas 50 páginas do livro! Mas no geral foi fluido e interessante sempre.

Achei fantástico o fato do livro ser contado do ponto de vista do Ethan e não da Lena – é ótimo ter um garoto romântico narrando a história pra variar! Embora às vezes ele pareça um pouco feminino demais, ele é muito interessante e uma eterna contradição – o típico adolescente que não sabe onde se encaixa, que tem vergonha do que os amigos vão pensar dele mas, ao mesmo tempo, um cara decidido e que está disposto a mudar tudo por alguém que ama. Por falar em amor, o caso dele com a Lena surge aos poucos, naturalmente, então não achei nada muito forçado. Já a Lena, não achei ela tão interessante. Ainda bem que não foram os pensamentos dela que acompanhamos, porque achei ela apagadinha demais…

No geral eu estava esperando a mesma história do filme mas não: elas são muito diferentes! Então fiquei sem saber o que pensar quando terminei a leitura pois, ao mesmo tempo em que gostei, achei que a história do filme – embora muito mais sucinta e simples – foi mais legal… (rá! Quem diria!) Acho que os fãs podem ter ficado muito decepcionados com a adaptação porque foi tipo um Percy Jackson da vida – mudaram a história e os personagens -, mas eu gostei mesmo.

Logo, não é o melhor livro do tipo, não é o mais original, mas também não é chato como eu estava imaginando. É muito bom, eu gostei e vou ler os próximos. 🙂 Só não me apaixonei perdidamente mesmo…

Bjs
Marina