Insurgente [FILME]

Oi pessoal! \o/

Voltei com as minhas impressões sobre o filme Insurgente, segundo da série Divergente. Se você não leu minha resenha do livro, clique aqui. Em resumo, esperava mais do livro e da história, então tinha poucas expectativas para a adaptação.

Para ajudar, li diversas resenhas negativas sobre o filme, então quando digo “baixas expectativas” leiam: “achei que ia ser o próximo Percy Jackson” (na minha modesta opinião, a pior adaptação cinematográfica de um livro para todo o sempre).

Enfim, vamos lá:

insurgente filme

ATUAÇÃO

Se possível, achei a atuação de todos ainda melhor que em Divergente. Achei mais convincente e mais adulta.

Aliás, o filme todo foi mais “adulto” que o primeiro. Inclusive temos uma cena de sexo tão comum e rotineira para um casal adulto que temos a impressão de que eles fazem isso sempre, sendo que no livro a Tris era VIRGEM!  Choquei! rsrs

Voltando às interpretações, dessa vez quem roubou a cena foi o Miles Teller (Peter). Ai gente… ele só não roubou meu coração nessa saga porque ele pertence ao cada vez mais gato Theo James. ❤ O que é isso? Ele está maravilhoso!!!

insurgente-1702-7

Outro que atuou muito bem e me surpreendeu (além de estar mega gato) foi o Jai Courtney (Eric). Em geral foram todas atuações muito convincentes, gostei bastante.

ENREDO

Ok, nessa parte os fãs foram pegos de surpresa pois o enredo da história mudou. Para mim não mudou tanto para ficar irreconhecível, mas foram grandes mudanças e significativas. Muita gente poderá ficar decepcionada mas eu achei que o filme ficou melhor que o livro. JURO!!! É raríssimo isso acontecer mas nesse caso eles conseguiram transformar um livro sonso, sem graça e com uma Tris insuportável em um filme digno, interessante, que prende a atenção e sem essa personalidade ruim da Tris aparecer. Achei maravilhoso! AMEI!

insurgente_8-650x400CENÁRIO

Extremamente caprichados! Os efeitos especiais foram muito bem feitos e os cenários em si melhoraram MUITO com relação ao primeiro filme. Principalmente os cenários interiores. Acho que tivemos aí um bom aumento de orçamento, viu!

TRILHA SONORA

Novamente: desculpem mas eu não presto atenção nesse quesito.

Como tivemos muitas cenas de ação, acredito que a trilha tenha sido mais empolgante, mas a única parte em que prestei atenção foi na cena final, com todas as facções se dirigindo à muralha, que foi linda! Nossa, a música foi envolvente e emocionante na medida certa. Achei perfeita essa cena (não tinha no livro) e foi só com ela que notei a trilha sonora boa do filme.

Abaixo segue o trailer. Em geral gostei MUITO!!! 🙂 Mais do que a adaptação do primeiro livro e mais do que o segundo livro em si. No entanto, se você é fã daqueles que não suporta mudanças, você ficará bem decepcionado pois o enredo mudou bastante.

Bjs
Marina

Convergente – Trilogia Divergente livro 3

CONVERGENTEConvergente
De Veronica Roth

Sinopse: A sociedade baseada em facções, na qual Tris Prior acreditara um dia, desmoronou – destruída pela violência e por disputas de poder, marcada pela perda e pela traição. No poderoso desfecho da trilogia Divergente, de Veronica Roth, a jovem será posta diante de novos desafios e mais uma vez obrigada a fazer escolhas que exigem coragem, fidelidade, sacrifício e amor.

Minha opinião: Estava bem receosa com esse livro pois a maioria das classificações que vi foram 3 estrelas e meia, então estava esperando algo no nível de A Esperança – Jogos Vorazes Livro 3. Mas, fico feliz em dizer que “gosto é gosto e não se discute!”, então eu AMEI o livro! Para mim foi o final perfeito para essa trilogia! ❤

Tris realmente virou uma líder nesse 3º volume. Claro que ainda acho que o poder lhe subiu à cabeça, e que algumas atitudes dela são um pouco precipitadas, mas ela é uma adolescente de 16 anos gente… QUEM em seus 16 anos era totalmente consciente de suas ações???

Já o Quatro me decepcionou um pouco… achei que ele foi tão bom no primeiro livro que ia continuar assim, mas aquele menino corajoso, diferente e interessante foi, ao longo da série, se tornando uma pessoa fraca, insegura e um pouco “covarde”. Acho que no final ele consegue se recuperar e virar o Quatro do primeiro livro novamente, mas isso acontece apenas nas últimas páginas…

Como toda distopia, não podíamos esperar que esse desfecho fosse suave: temos guerra, violência, mortes e conspirações governamentais. Mas sabe que foi muito diferente do que eu estava esperando? Gostei do que foi mostrado, gostei das atitudes tomadas e do rumo da história. Não aconteceu tanta “devastação” como eu esperava, mas as poucas que aconteceram foram de extrema importância.

Acho que talvez o livro tenha me agradado tanto exatamente porque não achei tão devastador. Sou uma romântica, e sempre quero que tudo acabe bem… rsrs Não acabou TUDO bem, obviamente (hello, distopia! hehe), mas gostei do final que a autora deu para a série. Achei romântico, a seu modo.

Resumindo: foi um desfecho perfeito para uma série perfeita! Recomendo a todos a leitura!

Bjs
Marina

Divergente – Filme

Bom dia leitores queridos! 🙂

Como foram de feriado? Eu passei o meu maravilhosamente bem, assistindo Divergente!!! \o/

Finalmente, depois de muito tempo esperando, chegou a hora de prestigiá-lo nos cinemas. Antes de expressar minha opinião, deixo aqui o link para minha resenha do livro, caso alguém ainda não tenha visto ou queira ver de novo: RESENHA DIVERGENTE.

Divergente-Banner

Bom, para começar sou absolutamente fã do livro, mas fui assistir com meu namorado que não sabia nada sobre a história, então acho que conseguirei passar um pouco das duas impressões.

Atuação:  Shailene Woodley (Tris) foi uma grata surpresa para mim. Nunca havia visto nenhum filme com ela e realmente fiquei de boca aberta, pois ela atua muito bem. Não chega a ser uma  Kate Winslet, que na minha opinião roubou todas as cenas em que aparecia como a Jeanine, porque obviamente essa é “velha de guerra”, mas para uma atriz jovem achei que foi ótima!

Theo James foi outro que na minha opinião performou muito bem o papel, mas continuo achando que ele é muito velho para interpretar o Quatro. Embora as idades não tenham sido mencionadas no filme, considero que os dois não formam um bom par. Até teve química, mas a diferença de idade prejudicou um pouco.

Já os outros atores não me convenceram, principalmente a Zoë Kravitz como Christina. Por favor! E o Will… só descobri que era o Will no fim do filme! Ansel Elgort também não me agradou como Caleb, e por aí vai…

DIVERGENT

Enredo: nossa, para mim foi uma das melhores adaptações de livros para filmes dos últimos tempos. Conseguiu ser bem fiel à história e às cenas (na medida do possível, claro) e achei muito completo.

Senti falta de algumas cenas do livro que foram pouco exploradas, mas entendo que com o tempo já estourando as duas horas de filme rodado elas precisaram ser reduzidas… a que mais fez falta, para mim, foi a cena da roda gigante. Não que ela não tenha acontecido – aconteceu – mas foi muito curta e não chegou nem perto da cena original do livro.

?????????

Cenário: incrível! Logo nas primeiras cenas temos um tour pelos cenários do filme. Não são exatamente como eu imaginava, mas achei perfeitos para nos envolver na atmosfera do filme. Os exteriores foram MUITO bem feitos, e os interiores variaram um pouco – alguns ficaram ótimos, mas os aposentos da Audácia para mim ficaram terríveis! Totalmente diferentes do que eu imaginava. 😦

DIVERGENT

Trilha sonora: olha, vou ser bem honesta com vocês – trilhas sonoras não são o meu forte na hora de avaliar um filme. Nunca presto atenção exatamente ao que está tocando, mas tentei ao máximo decifrar pelo menos se o sentimento passado pela música era o mesmo passado na cena, e quanto a isso correu tudo muito bem.

Moviestill

Para finalizar, digo que para quem ainda não conhece a história é possível entendê-la sem problemas e assistir ao filme inteiro sem terminar com dúvidas. Mas é uma história legal e interessante, não é nenhum blockbuster. Já para nós fãs do livro, devo dizer que é emocionante ver essa história tomar forma. Juro que fiquei suada de emoção – as primeiras cenas, com todas as facções se encontrando foram fenomenais!!! Achei um ótimo filme e uma adaptação muito bem feita. Com certeza me marcou! ❤

Deixo o trailer abaixo e realmente recomendo MUITO! 😉

Bjs
Marina

Insurgente – Trilogia Divergente livro 2

INSURGENTEInsurgente
De Veronica Roth

Sinopse oficial: Na Chicago futurista criada por Veronica Roth em Divergente, as facções estão desmoronando. E Beatrice Prior tem que arcar com as consequências de suas escolhas.

Em Insurgente, a jovem Tris tenta salvar aqueles que ama – e a própria vida – enquanto lida com questões como mágoa e perdão, identidade e lealdade, política e amor.

Minha opinião: Eu esperava mais desse livro, mas ele é muito bom!

Gostei tanto de Divergente que pensei: Insurgente será ainda melhor! Então tinha altas expectativas para ele, mas confesso que, se dividíssemos o livro em 3 partes, apenas a 3ª parte me prenderia realmente.

A Tris mudou demais! Não sei se ela ficou viciada em adrenalina ou qual foi o caso… só sei que essa Tris me deixou com muita raiva! Apenas no final é que vemos a antiga Tris (por isso que digo que o final é a parte mais legal do livro rs).

O Quatro não me decepcionou! Concordei com ele do começo ao fim, mas juro que sofri um pouquinho com o romance dos dois… mas passou! hehe

Esse volume inteiro fala de um grande mistério e tudo gira em torno dos Divergentes, então pelo menos vocês podem imaginar que o final foi dígno! Espero bastante do 3º volume… essa saga tem tudo para ser igual/melhor que Jogos Vorazes, então tenho confiança de que o final será ótimo!

No geral gostei bastante da leitura! Continuou fácil e interessante como no anterior, eu apenas me decepcionei um pouco com algumas atitudes de alguns personagens…. só isso 😉

Ah! Como conhecemos mais as outras facções eu decidi: seria da Amizade rsrs

Bjs
Marina

Posts Relacionados:

Divergente – Trilogia Divergente livro 1

Divergente – Trilogia Divergente livro 1

DIVERGENTE_1343154852PDivergente
De Veronica Roth

Sinopse: Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em cinco facções – Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição – e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível.

Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto.

A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é. E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.

Minha opinião: 502 páginas e eu li como se tivessem apenas 100… o livro é IN-CRÍ-VEL!!! Uma comparação bem real seria com Jogos Vorazes (mas eu achei esse até melhor! rs).

Eu sempre tive um pouco de preconceito com ele… acho que a capa me lembra muito a capa do Legend, um livro que nada me interessa, então eu vivia confundindo os dois. Mas nossa… fiquei MUITO feliz de ter dado uma chance! Me surpreendeu demais e se tornou sem dúvida nenhuma um dos meus livros preferidos!

Os personagens são todos cativantes, mas, mais que isso, o que me deixou entretida de verdade foi o mundo das facções. Definitivamente Distopia é o gênero que eu mais gosto de ler! s2 Mas fiquei meio em dúvida sobre qual seria minha facção rs

A Tris é muito legal, os amigos dela são uns fofos, o Quatro é um fofo, a mãe dela é uma fofa… o livro é perfeitinho demais! Bem no estilo que eu gosto. Tanto que não tenho nada negativo a dizer rsrsrs

A narrativa é bem tranquila e fácil. O livro é bem longo mas as letras são grandes, então passa voando! Acredito que a autora foi muito feliz com essa história e em breve farei uma resenha sobre o próximo (Insurgente) também rsrs 😉

Aproveitando: A editora Rocco disponibilizou o pdf de um conto bem curtinho narrado pelo Quatro e mostrando o ponto de vista dele sobre o capítulo 13. Pra quem já leu é obrigatório rsrs
Clique aqui para ver o pdf  (não leiam se ainda não tiverem terminado o livro – Contém alguns spoilers).

Bjs
Marina

Posts Relacionados:

Insurgente – Trilogia Divergente livro 2