(Mangá) Ultra Maniac

Ultra Maniac
De: Wataru Yoshizumi

Sinopse oficial: Nina é uma jovem garota do Reino Mágico, muito atrapalhada em suas magias. Ela viaja para a Terra, a fim de estudar em uma escola “normal”. Na escola, ela conhece Ayu Tateishi, que descobre seu segredo e se torna sua melhor amiga.

Minha opinião: aaaainnn que fofinho!!! 😍

Sabe aquele desenho que você assiste e é tão bobinho mas super fofinho e engraçado que você se sente bem? É exatamente essa sensação que o mangá me deu.

No primeiro volume eu ri tanto, mas tanto, que até minha mãe me perguntou o que estava acontecendo! Foi engraçado demais e eu logo fique viciada na leitura e ansiosa pelos próximos.

Os outros não foram tão engraçados quanto o primeiro, mas foram muito bem humorados e deixaram aquele sentimento bom de: “que bom que eu li isso – fiquei mais feliz”. ❤

A Sakura é uma fofa – super alegre e uma gracinha. Sem ela a história não teria tanta graça mas a Ayu (a outra personagem principal) também é ótima! Ela se faz de séria mas na verdade não é nada disso e a amizade das duas evolui de forma natural e muito linda.

Os meninos não são lá muito originais mas o que me chamou a atenção é que nesse mangá as pessoas de fato se beijam, falam dos seus sentimentos de forma mais natural e são muito mais soltos. Foi uma boa mudança de ares pra quem estava acostumada com aquelas historinhas em que os romances andam devagar e na velocidade da tartaruga, rsrs.

O final foi um pouco abrupto pro meu gosto mas a história toda foi explicada e de fato teve um fim, então foi bom – mas podia ser melhor! 😛

Gostei muitoooo! Adorei esse enredo que fala de reinos mágicos e feiticeiros – me lembrou os velhos tempos de Harry Potter kkkk. E amei os personagens, amei tudo! Podia ter mil volumes mas só tem 5, então é super curtinho, vale a pena e eu recomendo para todos!

Bjs
Marina

(Mangá) Drug-On

Drug-On
De Misaki Saitoh

Sinopse oficial: Imagine uma ilha que concede qualquer desejo a quem conquistou o poder de Deus. Nessa ilha, uma fonte secreta é protegida por pessoas com habilidades especiais, que guardam não só os milagres do lago, mas seus segredos também.

A ilha em ruínas é chamada de “Boca do Dragão”. No passado, abrigava uma mina, mas hoje a passagem para a ilha encontra-se bloqueada. Dizem que há uma fonte lá que torna possível a realização de todos os desejos, e muitos vão em busca desses milagres. Porém, aqueles que são rejeitados pela fonte sofrem mutações grotescas. Caçar esses mutantes é o trabalho dos Takers, como Kai. Certo dia, três jovens decidem investigar a ilha e entram escondidos. Eles chegam à fonte e seu destino nunca mais será o mesmo…

Minha opinião: parecia muito promissor à primeira vista: capas bonitas, sinopse interessante… achei que ia curtir muito! Mas infelizmente não gostei tanto assim.

Primeiro que tirando as mulheres achei que o mangá não tinha um desenho muito bonito. Segundo que fiquei perdidona no primeiro volume – não entendi nada de nada mesmo! Aí bateu aquele desânimo mas continuei lendo com esperança de que algumas coisas acontecessem… e nenhuma aconteceu. 😣

De fato, fiquei um pouco decepcionada: o enredo tinha tudo para ser bom mas achei furado em muitos aspectos. Claro que tiveram coisas bem interessantes, como os Valets – para mim, a parte mais legal da história foi saber como eles são formados e o que são de verdade (e o que isso implica nas suas vidas), mas faltou mais emoção.

Os personagens masculinos eram todos problemáticos também… acho que rola um trauma de homens aí! Falando nisso, esquece romance – ele praticamente não existe! Até tem umas cenas meio ~pervertidas~ e as meninas são apaixonadinhas mas realmente para por aí.

O final não existe. Pelo que eu entendi, a empresa que publicou esse mangá disse que esse 5º volume foi mesmo o último, mas que ainda existe esperança para uma continuação – eles querem muito. Mas, de qualquer forma, é bom não esperar uma conclusão (como eu esperava). 😭

Não gostei. Acho que existem outros mangás muito melhores por aí, então devo dizer que infelizmente eu não recomendo. Ah! Mas preciso citar que a qualidade do papel é ótima e as edições são bem caprichadas! Enfim, é isso. Rsrs

Bjs
Marina

Sanctum – Asylum Livro 2

Sanctum
De Madeleine Roux

Sinopse oficial: Visões. Vozes. As lembranças do verão passado, vividas no alojamento Brookline do New Hampshire College, são as mais aterrorizantes da vida de Dan, Abby e Jordan. Uma experiência traumática que eles querem esquecer. Porém, seguir em frente não será uma opção. Alguém quer manter vivo aquele terror. Os três jovens estão recebendo cartas anônimas com palavras enigmáticas e fotos de um antigo parque de diversões. Para dar fim nesse pesadelo, eles irão se disfarçar de candidatos e voltar por um fim de semana ao campus do NHC. E, ao chegar lá, eles vão descobrir que aquele parque das fotos não só é real como também voltou a funcionar. Agora, a capa pista que tentam desvendar, Dan e seus amigos descobrirão segredos ainda mais sombrios do que haviam imaginado. Além de correrem muito mais perigo. Para se salvar, eles não poderão perder o controle.

Minha opinião: esse livro pra mim foi separado em duas partes: a primeira metade e a segunda.

Na primeira parte eu confesso que fiquei um pouco perdida: não me lembrava de quase nada do primeiro volume, só a história geral mesmo, então nem sabia quem eram os personagens e tudo mais. Conforme as páginas foram passando, eu ia lembrando de algumas coisas mas estava achando tudo muito direto – eu não estava acompanhando muito bem esse ritmo.

Só que aí as coisas foram ficando legais. MUITO LEGAIS. Eu fui ficando com “medinho” e ansiosa pra saber o que ia acontecer… e pá! Fui fisgada!

Tem muito mistério, sabem? Aquela coisa de livro de detetive, que você fica o tempo todo tentando achar o culpado e entender o que aconteceu.

Aí chegamos na segunda metade e eu devorei numa tacada só! Principalmente quando foi mencionado o MkUltra – a maior teoria da conspiração ever!!!! (e eu sou a louca da teoria da conspiração, só pra deixar claro.)

A narrativa é muito rápida e fluida e eu não esperava um enredo tão bom, então realmente foi uma surpresa o tanto que eu me apeguei a esse livro – principalmente depois de um primeiro volume super morno…

Eu realmente quero ler o terceiro tipo já!!!! Estou louquinha pra saber a continuação da história. E acho que a saga tomou forma agora, então fiquei esperançosa!

Recomendo!

Bjs
Marina

(Mangá) Hirunaka no Ryuusei – Daytime Shooting Star

Vocês vão me matar se eu falar de mais um mangá??? rsrs Não consegui evitar – eu sempre gostei muito de mangá na adolescência e recentemente redescobri essa paixão, então estou um pouco empolgada. 😛 Provavelmente vocês verão outros muito em breve porque descobri um site para ler mangás do mundo todo online: MANGAHOST – não é propaganda gente, eu realmente achei por conta própria e é muuuito bom! ❤

Eu achei melhor não fazer mais resenhas de Mangá como a que eu fiz com Orange (volume por volume) e sim como se fosse um livro (uma coisa só). Isso porque a maioria deles tem muitos volumes, vários capítulos e é meio confuso separar tudo nesses leitores online…

Então vamos lá:

Hirunaka no Ryuusei (Daytime Shooting Star)
De Mika Yamamori

Sinopse oficial: Suzume é uma jovem de 15 anos, que acaba de se mudar para Tokio, devido a transferência de trabalho de seu pai. Sendo assim, ela vai morar com um tio desconhecido na imensa cidade de Tokio, que para ela, uma humilde moradora do “interior”, é um imenso deserto de céu limitado.

Logo que ela chega na grande cidade acaba conhecendo um estranho cara, que ela logo descobre ser amigo de seu tio e também o seu professor na nova escola. A partir dai vamos acompanhando seu dia-a-dia, e vendo-a tentando fazer amizade e entender aquele novo e inusitado “mundo”.

Minha opinião: essa resenha não faz jus à história – na verdade ela é terrível!!! Vou resumir aqui do meu jeito pra vocês: a personagem principal, Suzume, se muda para Tókio e vai viver com seu tio. Ela sempre morou no interior, não tinha muitos amigos e era um pouco avoada e distraída, então seus maiores desafios são: não se perder, fazer amigos e lidar com o dia a dia numa cidade grande.

É aí que os problemas começam: logo que ela chega ela se perde e o amigo do seu tio a ajuda. Nos dias seguintes, ela descobre que ele é seu professor, mas a inegável atração entre os dois começa a crescer… Do outro lado temos Mamura, um estudante que sempre teve “medo” de encostar em meninas mas que vê nela uma amiga e aos poucos vai mudando seu jeito…

Eu fico genuinamente feliz de ter descoberto essa historinha – ela é muuuito fofa! E viciante! ❤ No começo é tudo meio infantil (bobo) mas, conforme o mangá vai se desenvolvendo, as situações e os personagens vão evoluindo e se tornando mais adultos. Eu senti como se crescesse junto com eles!

Além dos três protagonistas temos alguns personagens secundários também que aprendemos a amar ao longo dos volumes – senti que alguns foram mais trabalhados que outros, mas no geral foram ótimos personagens. A arte (desenho) não é a maaais bonita que eu já vi, mas também não é ruim – gostei.

Não achei o romance bobinho, pelo contrário: foram situações um pouco tensas (romance proibido) e difíceis de lidar – tudo muito real e palpável – o sofrimento de não poder seguir em frente com algo que você quer tanto é mesmo desesperador.

Sobre o triângulo amoroso, isso raramente acontece mas eu escolhi o lado certo! Huahuahua Mas confesso que é muito difícil escolher um lado porque a situação toda favorece a escolha dos dois – foi doloroso dar tchau a um deles no final, mas amei o desfecho. AMEI! (tem muita controvérsia nesse término: como foi um triângulo, muita gente não gosta justamente pela escolha dela mas eu… ah! eu gostei demais rs)

Tudo foi muito fofinho e romântico, e denso na medida certa! Eu recomendo para todos que gostem desse tipo de mangá (shoujo). 😘

Shoujo

É um tipo de mangá comercializado para um público feminino, normalmente entre as idades de 12 e 18 anos. O nome latinizado de 少女 (shōjo), literalmente significa “pequena garota”. O mangá shojo abrange muitos assuntos em uma variedade de estilos narrativos e gráficos, desde dramas históricos a ficção científica — muitas vezes com um forte foco em relacionamentos românticos e emoções humanas.

fonte: WIKIPEDIA

Achei válido comentar também que o romance tratado nesse tipo de leitura é sempre puro e inocente, não tendo muitos beijos nem pegação, ok? rsrs

Bjs
Marina

(Mangá) Orange #5

Orange #5 – Todas as vidas serão protegidas?
De Ichigo Takano

Sinopse oficial: Com a ajuda das cartas, Naho e seus amigos vêm agindo para poder salvar Kakeru. E depois do festival esportivo, todos ficam esperançosos ao ver o sorriso genuíno no rosto do amigo. Mas então, chega o dia da virada do ano, que a carta da Naho dizia que ocorreria uma briga tão feia com o Kakeru que os dois nunca mais voltariam a se falar direito, até Kakeru morrer em fevereiro. Naho fará de tudo para evitar a briga, mas as coisas parecem indicar que existem passados imutáveis! Os dez anos e as vidas dos seis amigos serão protegidos?

Minha opinião: confesso – tem um olho na minha lágrima! Snif…

Esse volume foi lindo! Lindo mesmo! ❤ A gente não sabe como tudo vai ficar até as últimas 10 páginas, então foi uma tremenda tensão o tempo todo!

Imagina ter que pisar em ovos porque qualquer palavrinha errada que você disser pode levar seu amigo a se matar? Eu admiro muito a coragem e vontade que eles tiveram de ajudá-lo a se manter vivo até o fim e olha… o final foi muito bom!

Foi interessante a mistura de passado, futuro e troca de narrativa (ponto de vista) que tivemos nesse 5° e último mangá da série – esclarecedor, eu diria… em tempos de 13 Reasons Why eu vejo de novo o reforço de que você nunca sabe o que se passa na vida do outro, então não dá pra julgar ou tentar entender – dar o seu melhor e o seu apoio é sempre a melhor escolha.

Enfim, esse mangá foi incrível: muito bem feito, a história é ótima, o desfecho foi maravilhoso e… é muito lindo! Rsrsrs lindo e profundo são, de fato, as palavras que melhor descrevem o que senti.

Recomendo do fundo do coração pra todos vocês!

Bjs
Marina