Perdido Em Marte

PERDIDO_EM_MARTEPerdido em Marte – Uma Missão a Marte. Um Terrível Acidente. A Luta de um Homem pela Sobrevivência.
De Andy Weir

Sinopse: Há seis dias, o astronauta Mark Watney se tornou a décima sétima pessoa a pisar em Marte. E, provavelmente, será a primeira a morrer no planeta vermelho. Depois de uma forte tempestade de areia, a missão Ares 3 é abortada e a tripulação vai embora, certa de que Mark morreu em um terrível acidente. Ao despertar, ele se vê completamente sozinho, ferido e sem ter como avisar às pessoas na Terra que está vivo. E, mesmo que conseguisse se comunicar, seus mantimentos terminariam anos antes da chegada de um possível resgate. Ainda assim, Mark não está disposto a desistir. Munido de nada além de curiosidade e de suas habilidades de engenheiro e botânico e um senso de humor inabalável, ele embarca numa luta obstinada pela sobrevivência. Para isso, será o primeiro homem a plantar batatas em Marte e, usando uma genial mistura de cálculos e fita adesiva, vai elaborar um plano para entrar em contato com a Nasa e, quem sabe, sair vivo de lá.

Minha opinião: eu esperava mais desse livro… pelo título achei que ele fosse descobrir muitos mistérios, achar ETS, sei lá, alguma coisa suuuper emocionante e diferente, mas é apenas o que o título fala mesmo: um homem que ficou perdido em marte e luta diariamente pela sua sobrevivência.

Eu gostei muito do Mark (o personagem principal). Imaginei ele como um nerd meio bobão mas bonitinho, sabem? Ele tem todo um charme e um humor muito bom. Com certeza eu adoraria ficar presa em marte só com ele (ui! hauhauah).

A narrativa em si é muito técnica. Temos dados de gravidade, velocidade, física, química, etc etc etc… mas tudo isso é compensado com um bom humor, algumas piadinhas e uma boa dose de ironia. Na verdade o livro seria chato se não fosse pelo Mark, que é uma ótima companhia. 😉

A lição que tiramos da história é sobre a humanidade: como todos os povos se juntam para tentar ajudar uns aos outros em tempo de necessidade, como o ser humano se importa com seus semelhantes, e como missões perigosas em prol da civilização são realizadas. Além disso, como também o ser humano se adapta a todas as situações…

Acho que o livro é bom sim, não é espetacular mas posso ver porque se tornou um filme: tem realmente muito potencial para ir para as telinhas e causar comoção.

Olha, recomendo para quem gosta de livros mais técnicos, porque quem não tem paciência não vai curtir muito – nem o bom humor salva nesses casos! rsrsrs Eu gostei. 🙂

Bjs
Marina

Anúncios

Deixe sua opinião ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s