Melhores livros de 2014

Olá pessoal, tudo bem?

Quando chega o fim do ano é sempre tradicional falarmos sobre os livros que mais gostamos, certo? Fiz uma listinha abaixo do meu Top 10 (todos tem resenha no blog – deixarei o link no título) e vou aproveitar para falar sobre os que eu não li mas queria ter lido e acabaram ficando para 2015…

10 – Incendeia-me
9 – Garota exemplar
8 – Amnésia
7 – O Doador de Memórias
6 – Os Três
5 – A Escolha
4 – Mentirosos
3 – Um Caso Perdido
2 – Partials
1 – Extraordinário

Sobre os que ficaram para 2015, aproveito para dizer que parte disso foi por não ter conseguido ler tanto no final do ano. O começo foi bem agitado, mas acabei perdendo o ritmo e não cumpri minha meta (ousada, admito) de 100 livros. De novo. 😦 snif… Li apenas 85 😛

Mas vamos lá:

Cidade do Fogo Celestial
Revelada
Místico
Plus One
Nada
Eve e Adam
Dearly, Beloved
O Que Restou de Mim

É isso! E vocês? Quais os favoritos do ano?

Bjs
Marina

Paralela

PARALELAParalela
De Lauren Miller

Sinopse oficial: Abby Barnes tem um plano. Ela sabe o curso que vai fazer, a faculdade em que vai estudar e até o lugar onde vai trabalhar. Mas pequenas decisões podem mudar uma vida inteira, e, na véspera de seu aniversário, Abby está questionando suas escolhas. No dia seguinte, ela acorda num lugar completamente diferente, um ano mais velha, sem saber como tudo mudou da noite para o dia. A resposta é mais inesperada do que poderia imaginar: uma colisão de universos paralelos que a faz viver uma versão alternativa de si mesma. Com a ajuda da melhor amiga, Caitlin, e dividida entre dois caras que poderiam muito bem ser o amor de sua vida, Abby se depara com o desafio de redescobrir a si mesma enquanto lida com a confusão em que sua vida se transformou.

Minha opinião: uma história diferente, um pouquinho confusa só, mas que ao mesmo tempo não conseguiu me prender… Tem um nível de romance satisfatório, mas senti falta de uma conexão com a personagem principal.

Antes de mais nada quero dizer que fiquei meio paranóica com medo de dormir hoje e acordar amanhã numa realidade paralela. Rsrsrs seria horrível!!! Então o assunto abordado no livro foi bem interessante e conseguiu prender minha atenção.

Já a Abby perdeu muitos pontos por ser meio fria, mas no final ela se compensou com um grande gesto emocional. Não des-gostei dela gente, apenas achei meio blá. A Caitlyn era muito mais interessante… Podia ser a protagonista. Aliás, a Caitlyn simplesmente ficou sem um desfecho o.O achei várzea da autora fazer isso, rsrs.

A narrativa é simples e bem leve, mas achei que teve muita enrolação… Até parei de ler e dei um tempinho na metade porque olha… Faltou interesse em continuar.

Então resumindo, achei um livro Ok. A premissa é boa, a parte que mexe com a física também, mas ele perde muito na enrolação e na falta de conexão. Não sei se recomendo… Acabei de ler com uma sensação boa de satisfação, mas acho que é um daqueles casos em que tem que tentar cada um por si mesmo. :p

Bjs
Marina

Mentirosos

MENTIROSOSMentirosos
De E. Lockhart

Sinopse oficial: Cadence vem de uma família rica, chefiada por um patriarca que possui uma ilha particular no Cabo Cod, onde a família toda passa o verão. Cadence, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat (os quatro “Mentirosos”) são inseparáveis desde os oito anos.

Durante o verão de seus quinze anos, porém, Cadence sofre um misterioso acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos, tentando juntar as lembranças sobre o que aconteceu.

Minha opinião: (me perdoem, mas vou TER que falar palavrão) Caral**!!!!!! Que livro fod*!!!!! Meu Deus!!!!

Não sei nem como descrever esse sentimento pós-leitura, mas vou tentar…

O livro é narrado do ponto de vista de Cady – uma protagonista que, honestamente, não consegui gostar, mas consegui me conectar com ela. Então juntas vamos desvendando mistérios e descobrindo lembranças que compõem o livro.

Ele tem pontos altos e algumas partes mornas, mas no geral não perdi o interesse uma vez sequer. Com um ritmo muito bom e fluido, vamos entrando cada vez mais na vida dos Sinclair, e a história fica cada vez mais interessante. É impossível largar!!!

E o final… Gente, O QUE FOI ESSE FINAL?????? Brilhante!!! Essa mulher é uma genia!!! Eu imaginei mil coisas e não cheguei nem perto de adivinhar tudo… Fiquei embasbacada e senti um misto de emoções que me deixou zonza. Palmas e palmas pra a autora. 🙂

Enfim, não posso dizer muita coisa para não estragar a leitura. A própria autora já disse que é melhor você ler sem saber nem a sinopse, então só posso dizer: LEIAM!

Recomendo e muito!!!!

Bjs
Marina

Encontrada – À Espera do Felizes Para Sempre – Perdida Livro 2

ENCONTRADAEncontrada
De Carina Rissi

Sinopse oficial: Sofia está de volta ao século dezenove e mais que animada para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke. No entanto, em meio à loucura dos preparativos para o casamento, ela percebe que se tornar a sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava. As confusões encontram a garota antes mesmo de ela chegar ao altar e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas estão acontecendo na vila. Ian parece estar enfrentando alguns problemas que prefere não dividir com a noiva. Decidida, Sofia fará o que estiver ao seu alcance para ajudar o homem que ama. Ela não está disposta a permitir que nada nem ninguém atrapalhe seu futuro. Porém suas ações podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir seu felizes para sempre é ela própria.

Minha opinião: ok, eu estava sim muito receosa de ler esse livro, afinal Perdida foi tão completo e tão bem finalizado que não consegui entender porque a autora resolveu escrever mais um volume. E quando soube que ia ter um terceiro então???? Bateu o preconceito…

Mas como eu AMO absurdamente a escrita dessa mulher resolvi dar uma chance. Achei o começo meio “chocho” e até cheguei a pensar em abandonar a leitura com medo de só piorar tudo e não ter um final feliz, mas aí pensei: – se o final não fosse feliz o título do livro não faria sentido, certo? E dei mais uma chance. Dessa vez de coração aberto. 🙂

O que eu descobri? Que não conseguiria mesmo viver no século 19!!!!! Jamais trocaria meu lindo século por esse horroroso! :p O que reafirmei? Que o Ian é o homem da minha vida e que esse será o nome do meu filho, se um dia eu tiver um. Sério. O que aprendi? Que mentir nunca compensa e que não adianta nada esconder as coisas de quem você ama… Juro que em algumas horas quis MATAR a Sofia!!!! Mas simplesmente não consigo desgostar dela… É uma fofa acima de tudo. Rsrs

Tirando alguns momentos que me cortaram o coração e outros em que quis acabar com a personagem principal, como sempre eu me diverti MUITO com o livro. Ele é ligeiramente mais sério que o primeiro e aborda a dificuldade de lidar com as coisas do dia a dia e com um casamento. Apesar da diferença de épocas, acho a Sofia um exemplo de mulher a ser seguido… E o Ian é o exemplo da perfeição. Se 1 décimo dos homens do planeta tivessem a decência dele estaríamos no paraíso!!! 😀 kkkkk

Passei por vários momentos mas terminei a leitura com sensação de dever cumprido. Gostei demais desse livro e realmente ele completa o primeiro. Se você por acaso não quiser ler o segundo volume, o primeiro tem um final espetacular, então não se preocupe, essa é mais uma leitura complementar. Mas gostei demais do final e acabei ficando com o olho marejado de tão lindo *-*

Recomendo!!! ❤ (Ian eu te amo!!!!)

Bjs
Marina

Livros da Semana 79

Oi pessoal, hoje tenho foto, livro e muito mais coisa para contar! 😀 rsrsrs

Recebemos de presente da nossa editora parceira (beijo, Intrínseca!) um kit de natal LINDOOOO com o livro O Presente do Meu Grande Amor. São várias histórias românticas em clima de Natal, então super interessou! 😉

unnamed

Me desculpem por não tirar uma foto antes de abrir, mas a curiosidade estava me matando! kkkkk Só lembrei dessa possibilidade depois 😦 Mas o kit é lindo, veio embrulhado nesse saquinho maravilhoso e tem vários penduricalhos para a árvore de Natal. \o/

Além disso, consegui ler um liro essa semana, então vamos à ele:

Livros da Semana:

Seis Coisas Impossíveis (digital) – Nota: 4.5/5

Gente, por enquanto é só rsrs Estou me preparando para as férias (uhull!!!!) mas não se preocupem que não irei abandoná-los rsrs já já estou de volta 🙂

Bjs
Marina

 

E Se Fosse Verdade…

E_SE_FOSSE_VERDADEE Se Fosse Verdade…
De Marc Levy

Sinopse: Lauren é uma jovem médica com muito potencial: faz residência no San Francisco Memorial Hospital, na Califórnia. Porém, sua carreira promissora é interrompida quando ela é vítima de um grave acidente de carro e fica em estado de coma. Com morte cerebral confirmada, ela acorda e descobre que está fora de seu corpo – incomunicável como um fantasma. De forma misteriosa, Lauren consegue ser vista apenas pelo solitário Arthur, o novo inquilino de seu apartamento. Cético, ele leva algum tempo para acreditar na história da invasora, mas logo o sentimento entre os dois se torna algo a mais. Sem esperanças, os médicos e a família da jovem decidem fazer a eutanásia. Agora, o casal terá que lutar para salvar o corpo de Lauren, e descobrir alguma forma de reuni-lo com sua consciência.

Minha opinião: muuuiitoo mais ou menos… Aquele livro que vc não gosta, não desgosta, na verdade nem sabe porque leu.

O filme é muito melhor. Mas muito mesmo! Não consegui formar aquela conexão com os personagens, sabe? Quando você torce por eles, fica triste quando ficam tristes, alegres quando ficam alegres…

Não sei se foi a escrita esquisita do livro (“creia-me! Faz-me feliz” – até achei no começo que fosse português de portugal), que poderia ter sido mais informal, ou se foi a rapidez da evolução dos sentimentos mesmo. Só sei que não fui conquistada e em poucas vezes me emocionei – todas elas com as cartas da mãe do personagem principal – Arthur.

Enfim, falando sobre personagens, que homem é esse??? Acho que não existe… Se existir quero pra hoje, por favor!!! Kkkk Já Lauren não me cativou. Inclusive achei chata… Que coisa!

Recomendo o filme, mas não o livro. E isso porque eu tinha ouvido maravilhas sobre ele… 😦

Bjs
Marina

O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks

O_HISTORICO_INFAME_DE_FRANKIE_LANDAUBAN_1377883336BO Histórico Infame de Frankie Landau-Banks
De E. Lockhart

Sinopse oficial: Aos catorze anos, Frankie Landau-Banks era uma garota comum, um pouco nerd, que frequentava a Alabaster, uma escola tradicional e altamente competitiva. Mas tudo muda durante as férias. Na volta às aulas para o segundo ano, o corpo de Frankie havia se desenvolvido, e ela havia adquirido muito mais atitude. Logo ela chama a atenção de Matthew Livingston, o cara mais popular do colégio, que se torna seu novo namorado e a apresenta ao seu círculo de amigos do último ano. Então Frankie descobre que Matthew faz parte de uma lendária sociedade secreta – a Leal Ordem dos Bassês -, que organiza traquinagens pela escola e não permite que garotas se juntem ao grupo. Mas Frankie não aceitará um “não” como resposta. Esperta, inteligente e calculista, ela dará um jeito de manipular a Leal Ordem e levantará questionamentos sobre gênero e poder, indivíduos e instituições. E ainda tentará descobrir se é possível se apaixonar sem perder a si mesma.

Minha opinião: apesar das ótimas críticas que li sobre o livro, ainda estava receosa de lê-lo. Primeiro pela capa horrorosa (editoras, por favor vamos melhorar o nível das capas porque ultimamente… tá difícil!), e depois por achar que seria mais uma história comum e bobinha.

A nossa querida protagonista está longe de ser bobinha: ela é esperta, sagaz, inteligente e um pouco cruel… Tipo uma geniazinha do crime, sabem? Aquela pessoa que ou vai salvar o mundo, ou acabar com ele… Gostei muito dela!!! Confesso que algumas horas achei ela explosiva e obsessiva demais, mas tudo faz parte desa personalidade diferente.

Tirando a protagonista fora da curva, a história também não tem nada a ver com o que eu achei que seria: temos uma sociedade secreta, muitas travessuras, um namoro às avessas e uma série de outros fatores que diferenciam a história e a tornam muito divertida.

A autora é MUITO inteligente. Fiquei louca para ler mais livros dela, e aposto que serão, assim como esse, muito bem desenvolvidos e inteligentíssimos. É uma leitura fácil apesar disso, e em um dia consegui acabar… gostei mesmo! Não achei tão fantasticamente fantástica quanto todo mundo, mas é refrescante, sabe? Aquele livro para quando você está cansado da mesmice e quer dar uma inovada. 😉

Recomendado!!!

Bjs
Marina

Livros da Semana 78

Oi gente,

O final do ano está aí, festas e festas chegando, muita comida gorda e é claro: muitos livros! #SQN

Estou enfrentando um período sabático: jejum de livros! rsrsrs Não sei o que acontece comigo, acho que estou perdendo aquele velho pique e encontrando outras formas de me entreter…

Mas enfim, vamos aos Livros da Semana:

Nenhum. Isso mesmo, não li nada.. zero… necas de catibiribas… kkk. Mas nessa semana fui tirar o passaporte, resolver a minha vida… foi bem corrido. 😛 realmente fiquei com preguiça, estava bem cansada.

Próximos Livros:

Gente, como não tenho IDEIA do que vou ler E quando vou ler, tenho algumas considerações e queria aproveitar esse espaço:

Todos os posts a partir de 22/12 serão agendados. Não sei se terei acesso à internet para onde vou (recesso da firma), então preferi deixar tudo pronto para vocês… então não sei se conseguirei responder comentários, etc…

Nos falamos então na semana que vem, espero eu: com novidades! 😉

Bjs
Marina

A Cura Mortal – Maze Runner Livro 3

A_CURA_MORTALA Cura Mortal
De James Dashner

Sinopse oficial: Por trás de uma possibilidade de cura para o Fulgor, Thomas irá descobrir um plano maior, elaborado pelo CRUEL, que poderá trazer consequências desastrosas para a humanidade. Ele decide, então, entregar-se ao Experimento final. A organização garante que não há mais nada para esconder. Mas será possível acreditar no CRUEL? Talvez a verdade seja ainda mais terrível… uma solução mortal, sem retorno.

Minha opinião: Confesso que eu esperava um pouquiiinho mais para esse final de trilogia. Não foi ruim, mas também não foi muito empolgante ou tão criativo quanto os outros livros. Foi um bom final, mas deixou aquela sensação esquisita… de que alguma coisa faltou para dar “vida” à história.

Por um lado foi bem interessante ver mais sobre o Fulgor e conhecer esse mundo do qual nada sabíamos. Por outro, foi cansativo acompanhar a jornada deles quando quase não existia ação e, quando existia, não era da forma que eu esperava… acho que o primeiro livro ganhou de todos no quesito mistério e ação inteligente, então é complicado mesmo comparar os volumes entre si – dessa forma o terceiro deixa muito a desejar.

Nesse livro temos uma batalha contra a doença que assola a humanidade e uma luta para a sobrevivência. Alguns personagens acabam virando protagonistas enquanto alguns protagonistas passam a ser coadjuvantes. É engraçado pensar como tudo aconteceu rápido e descobrir que quando o livro acaba sabemos quase o que sabemos quando acaba o primeiro: basicamente nada. rsrs

Eu achei que teria algum romance no livro, mas o pouco que teve não me satisfez. QUERO MAIS!!! rsrsr

Tirando esses fatores a história é bem escrita, original e muito interessante. Faltou de fato aquele “algo a mais” no último livro, mas isso não tira o brilho da saga. Nem a desmerece.

Gostei muito da leitura e com certeza vou ler os livros extras e acompanhar os filmes. 🙂

Recomendo!!!

Bjs
Marina

Os 13 Porquês

OS_13_PORQUESOs 13 Porquês
De Jay Asher

Sinopse oficial: Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra um misterioso pacote com várias fitas cassetes. Ele ouve as gravações e se dá conta de que foram feitas por uma colega de classe que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, ela explica que 13 motivos a levaram à decisão de se matar. Clay é um deles. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

Minha opinião: um livro que me prendeu do começo ao fim. Que narrativa marcante! Preciso dizer que esse livro me surpreendeu…

Ok, história começou nos fazendo pensar que os motivos para Hannah ter se suicidado foram superficiais, mas conforme os capítulos vão passando as coisas vão ficando mais intensas e virando uma bola de neve.

Claro, nenhuma situação que aconteceu aos olhos de um adulto é motivo suficiente para cometer o ato (nem todas as razões juntas), mas somos forçados a lembrar que se trata de uma adolescente… Uma menina que até então era inocente e acabou sofrendo por conta de boatos.

Acho que a maioria de nós já sofreu com isso na adolesceência, mas não parávamos para pensar no que nossas ações significavam para os outros e nem eles no que as ações deles significavam pra gente… É uma fase muito difícil, e esse livro chama justamente a atenção para isso – precisamos ficar de olho em todos os sinais de depressão!

Achei um bom livro. A história foi boa – menos o capítulo final que, na minha opinião, foi desnecessário e um pouco aleatório. A escrita é envolvente demais e simplesmente não consegui parar! A ideia do autor de escrever as narrativas dos dois personagens principais intercaladas sem alternar capítulos foi genial! Deu todo um outro toque para a leitura.

Recomendo! Foi forte e muito bom, além de um grande aprendizado. 😉

Bjs
Marina

Livros da Semana 77

Olá pessoal,

Semaninha de Black Friday, muitas promoções, muitas compras – um pouco de empolgação exagerada, eu diria rsrs – então em resumo, quase que não consigo nem terminar o livro que comecei na semana passada. 😛 Mas deu certo, sobrevivi a esta semana, pobre pobríssima e pobrérrima, mas vamos lá às coisas de sempre rsrs:

Livros da Semana:

ParalelaNota: 3/5

Próximos Livros:

Estou um pouco desanimada com livros ultimamente… não sei se é o final de ano, os dias no meu trabalho que estão me deixando esgotada, as compras natalinas, as séries que ando assistindo, os tutoriais de maquiagem que estou viciada… só sei que acabei de ler Paralela e ainda não tive vontade de ler nenhum livro. o.O

Então vamos aguardar… espero começar uma nova leitura em breve, mas não faço ideia de qual será… #suspense rsrs

Até semana que vem!

Bjs
Marina

O Doador de Memórias

O_DOADOR_DE_MEMORIASO Doador de Memórias
De Lois Lowry

Sinopse oficial: Em O doador de memórias, a premiada autora Lois Lowry constrói um mundo aparentemente ideal onde não existem dor, desigualdade, guerra nem qualquer tipo de conflito. Por outro lado, também não há amor, desejo ou alegria genuína. Os habitantes de uma pequena comunidade, satisfeitos com a vida ordenada, pacata e estável que levam, conhecem apenas o presente o passado e todas as lembranças do antigo mundo lhes foram apagados da mente. Um único indivíduo é encarregado de ser o guardião dessas memórias, com o objetivo de proteger o povo do sofrimento e, ao mesmo tempo, ter a sabedoria necessária para orientar os dirigentes da sociedade em momentos difíceis.

Aos 12 anos, idade em que toda criança é designada à profissão que irá seguir, Jonas recebe a honra de se tornar o próximo guardião. Ele é avisado de que precisará passar por um treinamento difícil, que exigirá coragem, disciplina e muita força, mas não faz ideia de que seu mundo nunca mais será o mesmo. Orientado pelo velho Doador, Jonas descobre pouco a pouco o universo extraordinário que lhe fora roubado. Como uma névoa que vai se dissipando, a terrível realidade por trás daquela utopia começa a se revelar.

Minha opinião: ai que livro bom!!! *-*

Fui surpreendida por uma narrativa fácil, envolvente e por uma história fantástica!!! É incrível o que vamos descobrindo ao longo do livro – como a comunidade é, como funciona, o que significa cada coisa… É uma surpresa atrás da outra e com um toque bem profundo por trás: quem seríamos nós sem as nossas lembranças?

Jonas, o personagem principal, no começo é pouco interessante, mas com o tempo ficamos ligados a ele e nos sentimos conectados com esse personagem. É uma experiência interessantíssima enxergar tudo através dos olhos dele e descobrir tudo junto com ele.

Acho que dá para perceber que fiquei em êxtase ao terminar a leitura, certo? Kkkkk realmente achei perfeito. Um livro leve e muito interessante… Perfeito para curar uma ressaca literária ou para recomeçar após um tempo sem ler… Ele é revigorante!

Me lembrou muito o livro Destino, onde existia uma sociedade que controlava a vida de todos. É basicamente isso mas com a exeção de que só uma pessoa conhece a verdade absoluta sobre as coisas. A única coisa ruim é que é muito curtinho. Queria mais!!!! Rsrs

Recomendo muito, a todos, e fiquei super curiosa para ver o filme (que nesse caso suspeito que não consiga passar nem metade da emoção do livro hehe).

Bjs
Marina

Unwind – The Unwind Dystology Livro 1

UNWIND_1403860669BUnwind
De Neal Shusterman

Sinopse traduzida por mim: Em uma sociedade onde os adolescentes indesejados são mantidos através de partes de seus corpos, três fugitivos lutam contra o sistema que iria “desmembrá-los”.

Os pais de Connor querem se livrar dele porque ele é um encrenqueiro. Risa não tem pais e está sendo desmembrada para cortar custos do orfanato. O desmembramento de Lev foi planejado desde o seu nascimento, como parte de uma rigorosa religião de sua família. Reunidos por acaso e mantidos juntos por desespero, esses três companheiros improváveis ​​farão uma viagem angustiante através do país, sabendo que as suas vidas estão em jogo. Se eles podem sobreviver até seus aniversários de dezoito anos, não podem ser prejudicados – mas quando cada parte deles, de suas mãos a seus corações, são procurados por um mundo enlouquecido, dezoito parece muito, muito distante.

Minha opinião: preparem-se porque essa resenha vai ser looonga….. rsrsrs

Primeiro de tudo: a única parte negativa desse livro são as várias gírias em inglês, de difícil compreensão. Como assim? Pensem em Maze Runner: quando começamos a leitura nos deparamos com palavras como “trolho” (?) e “mértila”. São gírias específicas da história, que não tem uma prévia explicação e que precisamos descobrir sozinhos o significado. É exatamente isso que acontece nesse livro, porém num patamar elevado porque é em inglês – mais complicado ainda! Então acho apenas que faltou um glossário.

Sobre o enredo (plot), ele é altamente bem construído. Impecável! Podemos até pensar num primeiro momento que a história está muito comprida, que várias cenas não eram necessárias, mas no final tudo se encaixa de uma maneira…. que percebemos que precisávamos sim “viver” aquelas cenas para nos sensibilizar com todos os acontecimentos.

Falando em sensibilizar, o que foi esse livro??? Me chocou diversas vezes e tem toda uma discussão ética e moral por trás que te faz pesar no valor de uma vida e de um sacrifício. Vou explicar: UNWINDS são crianças de até 18 anos que podem ser designadas para serem desmembradas e seus membros implantados em outras pessoas. Então se você tem um filho que é muito travesso você pode assinar uma ordem para ele virar um unwind. Se uma criança mora na rua os policiais podem levá-la também para ser unwind, etc…. COMO ASSIM??? QUE PAI E QUE MÃE FAZEM ISSO COM O PRÓPRIO FILHO? Exato, e nesse livro acompanhamos diversas histórias que nos dão variados pontos de vista sobre esse ato.

Temos três personagens principais: Connor, Risa e Lev, mas a medida que a narrativa vai ganhando força temos pontos de vista de muita gente. Tem ponto de vista até da “multidão”. Juro, tem um capítulo que se chama “multidão”. Então se você não curte vários PDV melhor nem começar a ler esse livro… Mas só digo que cada uma dessas visões incrementa um pouco mais o macabro cenário que envolve esse livro.

E por falar em macabro, tem uma cena do livro – que descreve justamente a cirurgia de um Unwind – que passou dos limites! Fiquei chocada demais!!! Foi forte e desumano… É muito forte esse livro, em todos os aspectos, mas ele é bem mascarado… você acha que será uma historinha simples, com 3 garotinhos fugitivos, mas ela se mostra muito maior e mais assustadora.

Enfim, acho válido deixar um pequeno “glossário” caseiro do que eu entendi das gírias, caso alguém se interesse pela leitura. Vai ajudar, mas lembrem-se que é apenas a minha interpretação e o meu modo de colocar as coisas:

Unwind = desmembrado / pessoa destinada a ter seus membros retirados cirurgicamente e transplantados para outra pessoa
Tithe = criança que já nasceu destinada a ser um Unwind quando fizer 13 anos
Clapers = terroristas que batem palmas (sim, é isso mesmo e tudo é explicado no livro rs)
AWOL = adolescente fugitivo

Alguns desses termos são explicados no comecinho do livro, outros só lá para o final, então fica a dica do que cada um significa mais ou menos…

Recomendo? MUITOOOO!!!!! O livro é meio comprido e demoradinho mas vale a pena! 😉

Bjs
Marina