Calafrio – Os Lobos de Mercy Falls Livro 1

CALAFRIOCalafrio
De Maggie Stiefvater

Sinopse oficial: Quando chega o inverno, Grace é atraída pela presença familiar dos lobos que vivem no bosque atrás de sua casa. Ela espera ansiosamente pelo frio desde que fitou pela primeira vez os profundos olhos amarelos de um dos lobos e sobreviveu ao ataque de uma alcateia. Esses mesmos olhos brilhantes ela encontraria mais tarde em Sam, um rapaz que cresceu vivendo duas vidas – uma normal, sob o sol, e outra no inverno, quando vestia a pele do animal feroz que, certa vez, encontrou aquela garota sem medo.

Tudo o que Sam deseja é que Grace o reconheça em sua forma humana, e para isso bastaria que trocassem um único olhar. Mas o tempo de Sam está acabando. Ele não sabe até quando manterá a dupla aparência e quando se tornará um lobo para sempre. Enquanto buscam uma maneira de para torná-lo humano para sempre, têm de enfrentar a incompreensão da cidade, que vê nos lobos um perigo a ser combatido.

Minha opinião: Devo dizer que fiquei um pouco decepcionada… esperava algo mais inovador, ou algo mais semelhante a Crepúsculo (ou oito ou oitenta né rsrs) mas achei uma historinha fraca, sem muito conteúdo e pouco original.

Como eu já imaginava, os lobos de Mercy Falls se assemelham sim aos da saga crepúsculo. Aliás, acho que a autora realmente se “inspirou” muito neles… mas fora isso não achei que o enredo me prendeu.

Grace é uma protagonista que no início parece um pouco louca e obcecada – ela mesma chega a comentar isso. Mas, no desenvolver da história, vemos que tudo tem um motivo, então não é a toa que ela é obcecada pelos lobos: ela tem pontos mau resolvidos na vida dela que os envolvem. Ela também é independente demais para uma adolecente, mas mais uma vez a autora se “justificou” com pais ausentes e a necessidade da própria independência. Fora isso achei ela um pouco contraditória: uma hora ela é extremamente introvertida, tímida e nunca teve um namorado, e na outra hora ela é super atirada, direta e decidida no que quer… Oi??? Para onde foi sua timidez minha filha?

Enfim… Sam é bonitinho. Ele é todo tímido, respeitoso, cavalheiro, inseguro… uma graça! E realmente fiquei com pena pela condição dele.

Tirando os dois, os outros personagens pouco importam, com exeção da Isabel, que se tornou logo uma das minhas favoritas.

No geral é uma historinha bonitinha, tem seu romance, é bem fácil de ler, mas em nada nos prende. Juro que esperava mais, mas mesmo assim eu recomendo para quem procura algo light.

Bjs
Marina

Anúncios

Deixe sua opinião ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s