Coração de Tinta – Mundo de Tinta Livro 1

coracaodetinta

Coração de Tinta
De Cornelia Funke

Sinopse oficial: Há muito tempo Mo decidiu nunca mais ler um livro em voz alta. Sua filha Meggie é uma devoradora de histórias, mas apesar da insistência não consegue fazer com que o pai leia para ela na cama. Meggie jamais entendeu o motivo dessa recusa, até que um excêntrico visitante noturno finalmente vem revelar o segredo que explica a proibição.

É que Mo tem uma habilidade estranha e incontrolável: quando lê um texto em voz alta, as palavras tomam vida em sua boca, e coisas e seres da história surgem como que por mágica. Numa noite fatídica, quando Meggie ainda era um bebê, a língua encantada de Mo trouxe à vida alguns personagens de um livro chamado “Coração De Tinta”. Um deles é Capricórnio, vilão cruel e sem misericórdia, que não fez questão de voltar para dentro da história de onde tinha vindo e preferiu instalar-se numa aldeia abandonada. Desse lugar funesto, comanda uma gangue de brutamontes que espalham o terror pela região, praticando roubos e assassinatos. Capricórnio quer usar os poderes de Mo para trazer de “Coração De Tinta” um ser ainda mais terrível e sanguinário que ele próprio. Quando seus capangas finalmente seqüestram Mo, Meggie terá de enfrentar essas criaturas bizarras e sofridas, vindas de um mundo completamente diferente do seu.

Minha opinião: Para quem gosta do gênero fantasia é um prato cheio! Infelizmente esse não é um gênero que me agrade. Foi mais uma daquelas tentativas de sair do meu lugar comum, mas não foi um sucesso. 😛 Também não foi um fracasso total, mas confesso que sofri um pouco para terminar a leitura…

OK, vamos começar pelos pontos positivos do livro: a autora escreve muito bem. Na verdade, mais do que isso, ela simplesmente te envolve com a escrita dela de uma maneira arrebatadora. É sensacional! E outra: a história é original. Sempre lemos histórias fantásticas em que somos transportados para um outro mundo, com seres diferentes, fadas e duendes. Nesse caso é o inverso: alguns personagens do livro são transportados para o nosso mundo, e nem são os protagonistas da história! Achei bem diferente.

Como ponto negativo, logo de cara já posso dizer que não gostei da personagem principal – Meggie. Ai… não sei explicar… só achei ela uma criança chata, petulante, mimada e um pouco irritante. Outra coisa foi o tamanho do livro e sua enrolação: temos mais de 400 páginas com letras pequenas (ou seja, grande mesmo), mas a ação e todo o drama só foram começar lá pela página 200. Honestamente, teve enrolação demais para o meu gosto e comecei a ficar desesperada para ver o final que não chegava nunca. Por mais que a autora escrevesse bem, senti como se boa parte da história estivesse se arrastando. 😦

Sobre os outros personagens, acabei gostando de dois ou três, mas (pode ser porque não gosto de fantasia) não consegui me apegar a nenhum!

O enredo é, como eu já disse, arrastado no começo, mas depois temos um desenvolvimento interessante e bem envolvente! Acho que quem gosta desse tipo de livro com certeza vai amar! Só que no meu caso foi uma leitura ok, apenas interessante e só.

Infelizmente não vou conseguir teminar essa série. 😦 Mas acho que vou ver o filme (que eu nem sabia que tinha e soube por acaso rsrs)

Segue o trailer para quem quiser ver:

Bjs
Marina

Livros da Semana 56

Bom dia gente,

Depois de um feriadão FINALMENTE farei o post dos livros que eu li nessa semana… kkkk

Confesso que eu achei que ia ler muito mais, porém os jogos e um problema familiar acabaram tomando uma boa parte do meu tempo 😦

Mas vamos lá aos Livros da Semana:

Flash ForwardNota: 3/5
Enders (digital) – Nota: 4/5
Sem Você Não é Verão (digital) – Nota: 4.5/5
(lendo) Mentiras (digital) – Nota: 4/5 (por enquanto)

Próximos Livros:

Comprei A Menina Submersa!!!! \o/ Ainda não chegou mas assim que esse pacote entrar na minha casa eu já farei a leitura rsrs

Eu estava numa maré de tentar diminuir a quantidade de livros digitais que eu tenho, então eu praticamente abria o Kobo e escolhia um aleatóriamente… mas aí num belo dia minha bateria acabou, eu carreguei e fui ligar o Kobo quando ele reiniciou o sistema e eu fiquei com apenas 4 livros!!! Todos os outros (que diga-se de passagem eu baixava de graça na internet rsrs) sumiram!!!!

Enfim, foi uma boa oportunidade para eu reciclar minhas leituras, mas fiquei bem triste com alguns arquivos que perdi, já que eu gosto muito de manter os livros lidos na minha estante 😦

Livros Desejados:

Iniciada, Um Caso Perdido, Incendeia-me, Místico e Revelada. Essa é a minha lista de compras desse mês se Deus permitir! hehehe

É isso pessoal, até semana que vem. 😉

Bjs
Marina

Sentença de Morte – Fuga de Furnace Livro 03

SENTENCA_DE_MORTESentença de Morte
De Alexander Gordon Smith

Sinopse oficial: “Eu estava na penitenciária de Furnace. E ali nem mesmo a morte ousava mostrar a sua face”. Mais uma vez a tentativa de fuga de Alex fracassa. E, agora, a punição que o aguarda é muito – mas MUITO – mais cruel.

Depois de uma temporada enfurnado na solitária, ele se vê na enfermaria, cercado de Ofegantes. O pior está para acontecer. Alex está para se tornar um deles. Enquanto o sádico diretor bombeia lentamente o néctar para suas veias, Alex vai, aos poucos, se transformando na figura que mais teme: um terno-preto.

Para lutar contra as forças malignas que se apossam de seu corpo, ele precisa se lembrar de quem realmente é e seguir o conselho de seu amigo Garry: nunca esquecer o seu nome. Essa pode ser a única saída para não perder sua identidade. Mas como escapar dele mesmo, se agora possuía em seu sangue a crueldade de um super-humano de Furnace?

Minha opinião: Uma coisa que me desespera é que o 4º volume dessa saga ainda não tem previsão para sair aqui no Brasil. COMO ASSIM??? Acho um descaso da editora publicar uma série pela metade! Eles precisam terminar de publicar essa saga porque, honestamente, é uma das melhores que eu já li!!!

Simplesmente sabemos o que vai acontecer ao Alex nesse volume, mas nunca conseguimos prever o que acontece no final desse livro. SENSACIONAL!!! Estou em êxtase até agora!!!

O começo foi um pouco mais parado que nos outros dois. Demorou um pouquiiiinho até a leitura engrenar, mas quando aconteceu foi recheada de reviravoltas, lutas, descobertas e planos. Muitos planos.

Devo dizer que os meninos de Furnace são muito espertos, criativos e cheios das engenhocas. Cada vez mais eles me surpreendem com seus planos mirabolantes e com sua vontade de viver. É desesperador ver a esperança deles e a luta pela liberdade. Não consigo nem imaginar o que eu faria num lugar assim… ou melhor, fato que eu não resistiria! Morreria na primeira oportunidade rsrsrs

Enfim, foi uma leitura recheada de emoções e descobertas: conhecemos um pouco mais sobre o lado do diretor e daqueles que dirigem a penitenciária e seu passado sombrio… Estou curiosa para saber mais sobre eles nos próximos dois livros, então aguardo a continuação ansiosamente!

Não foi tão forte quanto os anteriores, é um pouco mais comprido, mas manteve o nível de excelência! 😉

AMEI e recomendo!

Bjs
Marina

The Devouring – The Vours Livro 1

THE_DEVOURINGThe Devouring
De Simon Holt

Sinopse traduzida por mim: Reggie é uma fã de terror que ama filmes assustadores, histórias e livros, então ela fica naturalmente instigada com um misterioso diário antigo que descreve os Vours, seres demoníacos que podem entrar em corpos humanos que sentirem muito medo uma vez por ano.

Apesar dela inicialmente assumir que o diário é fictício, rapidamente se torna claro que seu irmão mais novo, Henry, foi possuído por um Vour. De repente, Reggie está face a face com um irmão que mata seu próprio hamster querido e ameaça a vida dela, mas ela tem certeza que o Henry que ela ama ainda está aí… em algum lugar sob o domínio dessa criatura.

Embora o diário dê algumas poucas dicas de como exorcisar demônios, Reggie está determinada a salvar seu irmão, mesmo que isso signifique encarar alguns de seus próprios medos.

Minha opinião: Uau! Estava preparada para um livro de terror, mas esse superou as minhas expectativas!

Temos uma protagonista corajosa e interessante, mas sinto que ela foi pouco explorada em comparação ao que poderia ter sido. Já Henry, o irmão dela que é tomado por um Vour, foi exposto na medida certa. Junto com eles – e com Aaron, o melhor amigo da Reggie – vamos descobrindo um pouco mais sobre essas criaturas e enfrentando cenários assustadores, dignos de filmes de terror.

À la Stephen King, temos palhaços assassinos, dimensões paralelas e muito terror psicológico. O ponto crucial desse livro é a fragilidade da mente das pessoas em frente ao seu maior medo. Fiquei me imaginando nesse cenário e pronto: já fiquei apavorada pela vida inteira!!! rs

É uma narrativa bem leve e adolescente. Não temos romance (talvez o mínimo necessário), mas em compensação temos muita ação e investigação. Os universos e as cenas criadas pelo autor foram excelentes em descrição e só aguçaram a minha mente. Digo e repito que é um livro que deveria MUITO virar um filme.

Gostei demais e espero ansiosamente pelo próximo! Além disso fiquei muito feliz porque faz anos que queria ler esse livro e finalmente consegui! 🙂

Bjs
Marina

Réquiem – Delírio Livro 3

REQUIEMRéquiem
De Lauren Oliver

Sinopse oficial: No desfecho da trilogia em que o amor é considerado uma doença, Lena é um importante membro da resistência contra o governo. Transformada pelas experiências que viveu, está no centro da guerra que logo eclodirá. Depois de resgatar Julian de sua sentença de morte, Lena e seus amigos voltam para a Selva, cada vez mais perigosa. Enquanto isso, Hana, sua melhor amiga de infância, foi curada. Ela leva uma vida segura e sem amor junto ao noivo, o futuro prefeito. Às vésperas do casamento e da eleição – cujo resultado pode dificultar ainda mais a vida dos Inválidos -, Hana se questiona se a intervenção realmente tem efeito. Vivendo em um mundo dividido, Lena e Hana narram suas histórias em capítulos alternados. O que elas não sabem é que, em lados opostos da guerra, suas jornadas estão prestes a se reencontrar.

Minha opinião: um terceiro e último livro empolgante do começo ao fim! O enredo permanece firme e consistente – a autora conseguiu desenvolver os acontecimentos no tempo certo, tivemos muita ação e o final não foi atravessado. Só achei que faltou, de fato, um fechamento melhor para a história…

Lena certamente evoluiu muito e se descobriu como pessoa. Ela passou de uma protagonista inocente, bobinha e bem clichê para uma pessoa forte, determinada, bem decidida e corajosa. É aquele tipo de história que te deixa orgulhosa pela evolução da personagem.

Sobre os homens do livro, fico triste por tanta indecisão. Minha escolha já tinha sido tomada desde o segundo livro, então não pude deixar de ficar sentida quando a Lena ficava em dúvida quanto aos seus sentimentos. Ela magoou as pessoas, então fiquei desapontada com algumas atitudes contra quem não merecia esse tipo de tratamento.

Como eu disse, o final foi um pouco aberto. Achei que ficou muito a critério do leitor imaginar o final que gostaria. Sim, as coisas se resolveram, mas não tivemos nada decretado para nenhum dos personagens principais… A autora podia ter escrito pelo menos um epílogo contando o que imaginou como desfecho para cada um deles.

A escrita é intercalada entre capítulos narrados por Lena e capítulos narrados por Hana, o que foi uma surpresa já que eu não esperava a volta dela. Quer dizer, ela apareceu apenas no primeiro livro, então a volta dela com certeza foi algo diferente e que nos aguçou a curiosidade. Além disso a autora tem uma habilidade incrível de tecer essas histórias em paralelo que se encontram no final. Gosto muito da escrita dela!

Enfim, foi um desfecho bacana, interessante e muito bem escrito para um final de trilogia. Mas, como eu disse, os momentos finais deixaram um pouco a desejar. Apesar disso eu recomendo! Acho essa história muito boa e com uma mensagem geral bonita (como não gostar de um livro que exalta o amor, gente? ❤ rs), então acho que todos deveriam ler. 🙂

Bjs
Marina

Calafrio – Os Lobos de Mercy Falls Livro 1

CALAFRIOCalafrio
De Maggie Stiefvater

Sinopse oficial: Quando chega o inverno, Grace é atraída pela presença familiar dos lobos que vivem no bosque atrás de sua casa. Ela espera ansiosamente pelo frio desde que fitou pela primeira vez os profundos olhos amarelos de um dos lobos e sobreviveu ao ataque de uma alcateia. Esses mesmos olhos brilhantes ela encontraria mais tarde em Sam, um rapaz que cresceu vivendo duas vidas – uma normal, sob o sol, e outra no inverno, quando vestia a pele do animal feroz que, certa vez, encontrou aquela garota sem medo.

Tudo o que Sam deseja é que Grace o reconheça em sua forma humana, e para isso bastaria que trocassem um único olhar. Mas o tempo de Sam está acabando. Ele não sabe até quando manterá a dupla aparência e quando se tornará um lobo para sempre. Enquanto buscam uma maneira de para torná-lo humano para sempre, têm de enfrentar a incompreensão da cidade, que vê nos lobos um perigo a ser combatido.

Minha opinião: Devo dizer que fiquei um pouco decepcionada… esperava algo mais inovador, ou algo mais semelhante a Crepúsculo (ou oito ou oitenta né rsrs) mas achei uma historinha fraca, sem muito conteúdo e pouco original.

Como eu já imaginava, os lobos de Mercy Falls se assemelham sim aos da saga crepúsculo. Aliás, acho que a autora realmente se “inspirou” muito neles… mas fora isso não achei que o enredo me prendeu.

Grace é uma protagonista que no início parece um pouco louca e obcecada – ela mesma chega a comentar isso. Mas, no desenvolver da história, vemos que tudo tem um motivo, então não é a toa que ela é obcecada pelos lobos: ela tem pontos mau resolvidos na vida dela que os envolvem. Ela também é independente demais para uma adolecente, mas mais uma vez a autora se “justificou” com pais ausentes e a necessidade da própria independência. Fora isso achei ela um pouco contraditória: uma hora ela é extremamente introvertida, tímida e nunca teve um namorado, e na outra hora ela é super atirada, direta e decidida no que quer… Oi??? Para onde foi sua timidez minha filha?

Enfim… Sam é bonitinho. Ele é todo tímido, respeitoso, cavalheiro, inseguro… uma graça! E realmente fiquei com pena pela condição dele.

Tirando os dois, os outros personagens pouco importam, com exeção da Isabel, que se tornou logo uma das minhas favoritas.

No geral é uma historinha bonitinha, tem seu romance, é bem fácil de ler, mas em nada nos prende. Juro que esperava mais, mas mesmo assim eu recomendo para quem procura algo light.

Bjs
Marina

O Circo Mecânico Tresaulti

O_CIRCO_MECANICO_TRESAULTIO Circo Mecânico Tresaulti
De Genevieve Valentini

Sinopse: Às vezes, o mundo pode parecer um lugar desolador e escuro, formado por vastas amplidões cheias de conflito, onde o que todos procuram é se agarrar a algo que os faça sobreviver ao dia seguinte. Pois em O Circo Mecânico Tresaulti esse deserto cheio de perigos é atravessado pela magia de uma potente força criadora, capaz de devolver a integridade emocional e física a quem se juntar à trupe.

Em pleno cenário pós-apocalíptico, O Circo Mecânico Tresaulti ergue sua lona e dá início ao grande espetáculo. Ambientado sobre a perigosa superfície de um mundo devastado, cheio de bombas e radiação remanescentes de uma guerra pela qual todos já saíram derrotados, este belo romance nos apresenta uma caravana circense em eterna viagem através de muitas cidades sem país, região ou rota definida. Lugares que podem não mais existir quando o circo retornar.

Aqueles que se juntam ao circo procuram segurança, trabalho sem risco de vida ou apenas uma nova forma de recomeçar. E seguir adiante, apesar de tudo. Boss, a força motora do circo, agrega novos personagens, atraídos pela sua habilidade muito especial para recuperar corpos mutilados pela guerra, criando assim magníficos seres mecânicos pós-humanos – repletos de complexas engrenagens, placas de ferro, pétalas de cobre, pulmões relojoaria, rodas e pistões –, cada um trazendo para o circo algo nunca visto e sentido antes.

O público se aglomera para ver de perto as proezas desse grupo de pós-humanos fascinantes mas por vezes sombrios. É nesse picadeiro que enxergamos uma parte de nós em uma delicada lente de aumento.

Minha opinião: Bom, posso começar dizendo que eu nunca gostei de circo, tenho medo de palhaços, caras pintadas, etc etc… então fiquei me perguntando (mais de uma vez): Por quê comprei esse livro??? Realmente foi um impulso pela edição ser muito bonita, o livro ser bem elogiado, e por aí vai…

Felizmente foi uma grande surpresa! Não desgostei. No máximo achei OK, mas a história me agradou muito mais do que algumas que li recentemente.

Para começar, a narrativa é fluida, porém não é fácil! Durante toda a história temos pontos de vistas de personagens alternados, sem aviso, e em épocas distintas. Uma hora estamos lendo sob a perspectiva de Little George no presente, mas logo mais somos jogados ao passado pelo ponto de vista da Bird. Esse é só um exemplo, mas o que quero dizer é que é difícil acompanhar os acontecimentos sem prestar muita atenção, pois não existe uma linearidade.

Fora isso não temos uma data precisa em que tudo acontece. O que sabemos é que todos os personagens vivem muitos anos (mais do que nós, humanos, vivemos), e que toda a “tecnologia” por trás dos artistas mecânicos é algo único e particular do circo. Não é um mundo tecnológico, cheio de avanços científicos.. pelo contrário, vemos vilarejos e aldeões em contraste com máquinas equipadas para viver como humanóides.

O enredo, em si, é composto por uma história atual, mas o pano de fundo é formado por várias outras historinhas que contam como o circo se formou. A cada capítulo conhecemos melhor os personagens e conseguimos entendê-los e torcer por eles.

Eu, particularmente, achei a história um pouco séria e com um “quê” triste de fundo. Você acaba a leitura com um sentimento esquisito, que não consigo explicar. Simplesmente é uma história onde você é familiarizado com a morte, então não é muito legal…

Enfim, gostei. Não repetiria a leitura e recomendo apenas para aqueles que estão a fim de um livro mais sério, difícil, melancólico e diferente.

Bjs
Marina

Livros da Semana 55

Olá pessoal,

Gostei muito das leituras dessa semana mas desanimei um pouco no final, com o jogo do Brasil e tudo mais acabei perdendo o ritmo. rsrs Mas acredito que de agora em diante terei mais tempo para colocar tudo em dia graças às liberações para a copa fornecidas pela minha empresa. \o/ (uhuulll)

Pretendo comprar FINALMENTE Incendeia-me. \o/ (ainda nessa semana)

E por último: Tivemos nossa primeira promoção, em parceria com a Intrínseca. Podem esperar mais, gente! Vou tentar fazer outra promoção em breve, no aniversário do blog! 😉

Livros da Semana:

RéquiemNota: 4/5
Eva (digital) – Nota: 3/5
(lendo) Flash ForwardNota: 3/5 (por enquanto)

Próximos Livros:

No momento estou olhando para todos os meus livros e pensando que não quero ler nenhum… então acho que finalmente vou retormar o projeto Book Jar e tentar a sorte! 🙂

Livros Desejados:

Juro que tenho vários na minha lista do skoob mas nada me apetece! Estou com medo de entrar em outra maré de livros desanimadores… ou talvez eu é quem esteja desanimada…. Vamos ver!

Na semana que vem será um recesso por conta do feriado e voltarei apenas na terça-feira, então não teremos post de Livros da Semana 😦 Mas vou deixar alguns agendadinhos com resenhas de livros para vocês, fiquem tranquilos. 😉

Até a próxima!

Bjs
Marina

Resultado da promoção Orange is The New Black #OITNB

Olá gente!

No dia 6 de junho teve início nossa promoção em parceria com a Intrínseca, valendo um exemplar do livro Orange is The New Black + uma camiseta personalizada.

imagem

 

Hoje, 13/6, às 9h da manhã as inscrições foram encerradas e realizamos o sorteio.

O ganhador foi Gabriel d.

Capturar

 

Para visualizar o formulário de inscrição que agora exibe o resultado é só clicar no link abaixo:

a Rafflecopter giveaway

Parabéns !!!! \o/\o/\o/

Um e-mail será enviado pedindo seus dados e terá até 72 horas para responder. Caso não tenhamos resposta teremos que realizar um novo sorteio.

Passaremos os dados para a própria editora (Intrínseca) que enviará o prêmio em até 60 dias. Se possível mande para gente uma foto com seu prêmio quando receber 😉

Obrigada a todos pela participação! Em breve pretendemos fazer novos sorteios para comemorar o aniversário do blog.

Bjs
Marina

unnamed (1)

Os 10 livros mais fofos *-*

Oi gente,

Em homenagem ao Dia dos Namorados resolvi fazer uma listinha com os livros mais fofinhos que eu já li 🙂 (tudo no “inho” mesmo para enfatizar a gracinha rs)

Não tem uma ordem, apenas juntei os que mais me fizeram ver corações no ar após terminar a leitura. rsrs

Espero que gostem. 😉

As You Wish
Um livro bobinho, fofinho, engraçadinho, bonitinho… li esses dias e devo confessar que, apesar dele ser totalmente previsível e um pouco infantil, roubou meu coração! Os personagens são perfeitos um para o outro e, além de falar sobre aprender a amar um ao outro, fala também de aprender a amar a si mesmo.

Anna e o Beijo Francês
Água com açúcar e mais uma dose de cocolate com caramelo – esse é o tamanho da doçura desse livro. Impossível não derreter com o carinho que os personagens têm um com o outro e com esse final super melado. rsrsrs Também é totalmente previsível mas bem fofo.

A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista
Menino e menina se conhecem no avião e desde o começo se apaixonam. Tem como não amar??? rsrsr Tem uma parte um pouco triste nesse livro e o final não é tãaaaaooo melado, mas o livro todo vale por ser engraçado, fofo, envolvente e apaixonante.

Perdida
O destaque de fofura neste caso vai para o Ian – personagem principal. Ele em si já é todo doce que eu preciso na vida (ui!), mas a história também é demais e o final super romântico. ❤

Lost Boys – o verdadeiro amor nunca morre
Ai gente… o que falar desse livro? TODOS os personagens são fofos! ❤ Ele ganha por isso, pela doçura de cada um. A história também é muito bonitinha, então derreti com essa leitura! rsrs

Halo
Não me lembro dessa história com detalhes, porque faz muitos anos que li, mas o que me marcou foi que eu lembro até hoje que era extremamente romântica. Quase demais até para mim (que sou, como voc~es podem reparar, uma manteiga derretida da paixão rsrs). A personagem principal era muito inocente também… era um amor fofo e inocente.

A Catastrófica História de Nós Dois
É um livro fofo não só pelo quesito romance, mas pela história em si – aceitação de quem você é, de quem você ama e das coisas que aconteceram na sua vida. Além de divertido e meigo, ele deixa você com o coração partido para depois juntar os caquinhos de novo <3. Lindo!

A Escolha
Essa saga toda da Kiera Kass é muito graciosa, para falar a verdade, mas esse livro finaliza tudo da melhor maneira possível. Uma palavra para descrever o Maxon e o Aspen? – Fofos. Para descrever o romance dos dois com a personagem principal? – Fofo. Para descrever a rainha, as criadas e as amigas da personagem principal? – Fofas. Ou seja, é autoexplicativo rsrs

Um Romântico Incorrigível
Preciso falar mais com um título como esse? O livro gira em torno de um cara super romântico com atidtudes bregas/fofas para conquistar a mulher que ele ama. A própria capa tem várias bexigas em formato de coração, então só posso finalizar dizendo que FOFO não basta para descrever esse livro rsrs ele é absolutamente melado.

Coffehouse angel
Simples, curtinha, bonitinha e com um final extremamente fofo! É o mesmo caso de As You Wish: é um pouco infantil demais, mas nem porisso perde seu brilho, seu valor e sua doçura. ^^

Bjs
Marina

A Garota Que Você Deixou Para Trás

A_GAROTA_QUE_VOCE_DEIXOU_PARA_TRASA Garota Que Você Deixou Para Trás
De Jojo Moyes

Sinopse oficial: Durante a Primeira Guerra Mundial, o jovem pintor francês Édouard Lefèvre é obrigado a se separar de sua esposa, Sophie, para lutar no front. Vivendo com os irmãos e os sobrinhos em sua pequena cidade natal, agora ocupada pelos soldados alemães, Sophie apega-se às lembranças do marido admirando um retrato seu pintado por Édouard. Quando o quadro chama a atenção do novo comandante alemão, Sophie arrisca tudo — a família, a reputação e a vida — na esperança de rever Édouard, agora prisioneiro de guerra.

Quase um século depois, na Londres dos anos 2000, a jovem viúva Liv Halston mora sozinha numa moderna casa com paredes de vidro. Ocupando lugar de destaque, um retrato de uma bela jovem, presente do seu marido pouco antes de sua morte prematura, a mantém ligada ao passado. Quando Liv finalmente parece disposta a voltar à vida, um encontro inesperado vai revelar o verdadeiro valor daquela pintura e sua tumultuada trajetória. Ao mergulhar na história da garota do quadro, Liv vê, mais uma vez, sua própria vida virar de cabeça para baixo. Tecido com habilidade, A garota que você deixou para trás alterna momentos tristes e alegres, sem descuidar dos meandros das grandes histórias de amor e da delicadeza dos finais felizes.

Minha opinião: Demorei MUITO para ler esse livro. Sempre li muito rápido, desde que iniciei as minhas leituras, então nunca passei de 4 ou 5 dias. Nesse caso demorei exatamente uma semana. O ritmo foi lento, a história não me pegou e, honestamente, fiquei bem decepcionada!

A primeira parte da história é narrada na França, em 1916, em meio a uma guerra com a Alemanha – um cenário que em NADA me agrada! Sério, nunca gostei de livros que falam de guerra e desse cenário avassalador. Já a segunda parte se passa em 2006 e gira em torno de um quadro criado por um dos personagens daquela época passada (França – 1916).

A primeira parte foi difícil demais de passar. Quando cheguei na segunda foi um pouco mais fácil pois, além de ser atual, tinha um romance que me agradou e uma personagem com quem me identifiquei mais. Mesmo assim, ainda me arrastei para terminá-la. Não fui “fisgada” e não consegui me envolver.

Os personagens são fortes e a trama tem inúmeras reviravoltas, mas, mesmo assim, o livro deixou muito a desejar. Em comparação ao primeiro livro que li da autora, esse foi uma grande decepção e realmente não recomendo.

Bjs
Marina

O Verdadeiro Amor Nunca Morre – Lost Boys

O_VERDADEIRO_AMOR_NUNCA_MORREO Verdadeiro Amor Nunca Morre – Lost Boys
De Lilian Carmine

Sinopse oficial: O destino os aproximou. Mas poderá também separará-los? Joey Gray acaba de se mudar para uma pequena e estranha cidade, e está se sentindo um pouco perdida. Até encontrar um garoto misterioso e encantador bem próximo de sua casa. Mas Joey mal suspeita que Tristan Halloway tenha um bom motivo para estar sempre vagando pelo cemitério da cidade…

Minha opinião: Simplesmente lindo e diferente! AMEI!!! ❤

A primeira coisa que chamou minha atenção logo no começo da história foi o fato de que, pela primeira vez desde que leio esse tipo de livro jovem adulto, a mãe da personagem principal sabe TUDO o que está acontecendo. Toda a parte sobrenatural, tudo sobre o garoto misterioso do livro… simplesmente foi INCRÍVEL! Adorei esse toque que fez todo o diferencial! 😉

Sobre a personagem principal (Joe), ela é uma moleca. Se veste com roupas largas, tem síndrome do patinho feio, mas é muito engraçada e faz amizades muito facilmente. Adivinha como eu era quando adolescente??? Exatamente assim! Juro que me vi nessa menina!!! Então rolou logo uma conexão entre nós e gostei muito dela! Só algumas vezes, lá pelo meio do livro, a achei um pouco “forçada”, mas foram pouquíssimos momentos, então ainda continuei gostando dela.

A Tiff é uma melhor amiga ótima e quebra todos os estereótipos de meninas ricas e de nariz empinado! Já os meninos (Lost Boys) são um grupo completamente perfeito. Todos são lindos, engraçados, preocupados… gente… surreal!!! rsrs Mas são ótimos partidos e eu honestamente queria que a Joe tivesse ficado com todos kkkk 😛

A história em si é bastante comprida. Acontece tanta coisa que mais parece uma série (ou novela) do que um livro. Gostei desse fato porque pelo menos foi um volume único! Acho que ficaria brava se fosse uma trilogia ou algo do tipo… rsrs

A narrativa é jovem e fluida (também é MUUIITTOOO engraçada!), mas o tema sobrenatural escolhido às vezes pareceu um pouco “louco” demais. Foi meio too much para acreditar, mas relevei esse fato porque amei o livro! Só por isso rsrs

O final foi um pouco previsível, mas várias vezes ao longo do livro achei que fosse ser diferente. Não que eu não tenha gostado, mas estava confusa quanto aos meus sentimentos e queria ver onde essa história ia levar. Acho que esperava uma reviravolta, mas mesmo assim foi um final muito bom!

Enfim, recomendo muito!!! Leitura ótima e uma histórinha linda! *-*

Bjs
Marina

Promoção Orange Is The New Black #OITNB

Oi pessoal!

Essa é a primeira promoção do blog com nossa editora parceira: Intrinseca! \o/\o/\o/

No dia 9 de maio foi lançado o livro de Piper Kerman, que inspirou a série original do Netflix.

Para quem não conhece, Orange Is the New Black é um relato verídico a respeito do sistema prisional americano que conta a história de Piper, que após cumprir sua pena, se envolveu com o movimento de reforma prisional nos Estados Unidos. Atualmente ela participa do conselho da Associação de Mulheres na Prisão.

A promoção dará um exemplar do livro mais uma camiseta personalizada:

imagem

 

 

 

 

 

 

 

Para concorrer preencha o formulário do link abaixo.

a Rafflecopter giveaway

A promoção valerá desde hoje 6/6 até 13/6 (às 9h da manhã). No próprio dia 13 divulgaremos o sortudo que ganhará o kit.

Após o sorteio, o ganhador receberá um e-mail e deverá responder em até 72h. Caso não haja resposta, realizaremos um novo sorteio e assim por diante.

O prêmio será enviado pela própria editora, então infelizmente não enviaremos link de rastreio, mas podem esperar o prêmio em até 60 dias.

Assista o trailer da série (que está na segunda temporada) aqui:

Espero todos participando! 🙂

Bjs
Marina

unnamed (1)

Livros da Semana 54

Oi gente!

Essa semana foi um pouco corrida, então não consegui terminar o terceiro livro 😦 mas no geral estou com um bom saldo. Acho que vou voltar a fazer mais posts por semana 😀

Livros da Semana:

PoseidonNota: 4.5/5
A Lista Negra (digital) – Nota: 1.5/5 – sim, odiei! 😦
(lendo) RéquiemNota: 4.5/5 (por enquanto)

Próximos Livros:

Dúvida. Dúvida, dúvida e mais dúvida. Não sei mesmo gente 😦 Talvez leia Mentiras, Flash Forward ou Tentação Sem Limites, que me aguardam há tempos no armário 😛

Livros Desejados:

O Que Restou de Mim. MEU DEUS! Como estou ansiosa por esse livro!!!!! Chorei quando vi que estava prestes a ser lançado! snif… #emoção

Assim que virar o cartão eu compro Incendeia-me minha gente! Ou A Menina Submersa…. veremos! rsrs

E vocês, alguma leitura para me recomendar? Estou buscando indicações. 🙂

Até a próxima!

Bjs
Marina

O Verão Que Mudou Minha Vida – Verão Livro 1

O_VERAO_QUE_MUDOU_MINHA_VIDAO Verão Que Mudou Minha Vida
Jenny Han

Sinopse oficial: A vida de Belly é medida em férias de verão. Para ela, todas as coisas boas só acontecem entre os meses de junho e agosto, quando está na casa de praia junto a Susannah, única e melhor amiga de sua mãe e uma espécie de tia, e seus dois filhos, Jeremiah e Conrad. Mais do que irmãos postiços e companheiros de férias, os filhos de Susannah tornaram-se o centro das suas emoções.

A véspera do aniversário de 16 anos de Belly marca também o fim daquele que parece ser o último verão onde estarão todos reunidos em Cousins Beach. A partir do ano seguinte todos estarão ocupados demais e talvez algum deles já nem esteja mais entre nós…

Minha opinião: não esperava que fosse gostar tanto desse livro!

Quando comecei a leitura achei alguma coisa estranha… fiquei imaginando o que poderia ser quando de repente me dei conta de que esse é o primeiro livro que leio em que a protagonista de 16 anos de fato parece ter 16 anos!!!!! Para mim foi uma surpresa, já que geralmente estamos acostumados à meninas de 16 anos que agem e pensam como mulheres de 24, 25…

Além da Belly, a personagem principal que horas eu amava, horas eu odiava, temos os irmãos Fisher. Como escolher entre eles Meu Deus??? São dois ótimos partidos, mas confesso que desde o começo eu me encantei pelo Jeremiah. s2

Acho que é uma história sobre a transição da adolescência, o descobrimento do primeiro amor e das primeiras emoções. Nada mais que isso. Mas a maneira em que a história é narrada é muito boa: às vezes se passa no presente e às vezes no passado. A princípio confundi um pouco as coisas, mas depois que peguei o jeito sinceramente gostei bastante! 🙂

É bonitinho. Gostei do desenvolvimento mas senti que a autora pecou um pouco no final, deixando algumas brechas que, na minha opinião, precisavam ser explicadas… mas boto fé de que isso se resolverá no segundo livro dessa trilogia.

Recomendo! Além de tudo é um livro super curtinho, então sempre vale a pena dar uma chance. 😉

Segue abaixo uma frase que achei muito legal e que combina bastante com o meu jeito de pensar:

Às vezes é como se as pessoas fossem um milhão de vezes mais belas na nossa cabeça, como se as víssemos através de uma lente especial. Mas, por outro lado, se é assim que as vemos, talvez seja assim que elas realmente são.

Bjs
Marina