Crash – Visions Livro 1

CRASHCrash
De Lisa McMann

Sinopse traduzida por mim: Jules mora com sua família acima do restaurante deles, o que significa que ela cheira como pizza a maior parte do tempo e dirige o caminhão com forma de almôndegas para a escola. Não é uma receita para a popularidade, mas ela pode lidar com isso.

Mas ela não está conseguindo lidar com as visões. Vez após vez Jules vê um caminhão derrapar, atingir um prédio e explodir… e nove corpos ficam estirados na neve.

Ela não tem ideia do motivo disso estar acontecendo com ela, ou até mesmo se ela está ficando louca. Na verdade quase não importa, pois as visões estão em todos os lugares – outdoors, TVs, telas, janelas – e ela é a única que consegue vê-las.

Mas só quando as visões começam a ser frequentes e revelarem mais pistas, é que Jules descobre o que fazer. Porque agora ela pode ver a face de um dos corpos nos sacos pretos, e é alguém que ela conhece. Alguém por quem ela foi apaixonada desde que consegue se lembrar.

Minha opinião: Gostei muito mais desse livro do que qualquer um dos outros livros que já li dessa autora. Comparando com a série que finalizei no ano passado – Wake, Fade e Gone -, posso dizer que a protagonista é uma pessoa mais interessante e que a história é definitivamente mais instigante.

Mas acho que cheguei à conclusão de que, para mim, esta será a última saga que lerei dela. Acho que a escrita simplesmente não consegue me envolver muito e, embora a história seja muito boa, acabo sempre com aquela sensação de que faltou algo…

Jules é engraçada e bem jovial, além de que tem diversas gírias e maneiras de falar que me agradaram bastante! Trey (irmão de Jules) é outro personagem de destaque, que me conquistou com seu jeito despojado e engraçado. Os outros personagens me agradaram também, como a outra irmã deles, mas sabe quando não fede nem cheira? Me senti assim algumas vezes – ok, mais de algumas.

Uma coisa que me irritou MUITO foram as listinhas que a Jules fazia. Não sei explicar direito, mas não gostei. 😦

Fora isso, a idéia das visões em outdoors, janelas e qualquer coisa que refletisse foi uma excelente sacada! Acho que saiu do lugar comum e ficou diferente…

Enfim, não tenham a impressão errada deste livro por minha causa: eu gostei sim da história e quero muito ler o próximo volume! Eu só cheguei a uma conclusão de que não posso esperar uma escrita avassaladora dessa autora porque pra mim não funciona.

Ah! Para quem quer treinar o inglês ele é bem facinho. Acho válido! 😉

Bjs
Marina

Anúncios

Deixe sua opinião ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s